17 junho 2013

Delegada presa por extorsão não passou no concurso da Polícia Civil

Clenir reisA titular da Delegacia da Mulher de Açailândia, Clenir Maria Reis, presa na última quinta-feira, sob acusação de crime de extorsão é processada pelo Estado.
A delegada não passou no Concurso Público da Polícia Civil  e durante mais de dez anos vem ocupando o cargo  pendurada numa liminar..
O processo
 tramita na justiça desde 14 de Abril de 2003 na 1ª Vara da Fazenda Pública em São Luís. Na Ação Ordinária Inominada de Nº 64142003 o Estado reclama que a delegada ficou como excedente e não passou nos lugares reservados aos aprovados.
Por LC
Postar um comentário