08 junho 2013

Secretária de Saúde realiza prestação de contas durante audiência pública

Na pauta, foi realizada prestação de contas do primeiro quadrimestre de 2013.
A Comissão de Saúde da Prefeitura de Buritirana realizou na manhã desta sexta-feira (7), a primeira audiência pública para prestação de contas e investimentos da Secretaria de Saúde no primeiro quadrimestre de 2013. A sessão foi realizada na Câmara Municipal e contou com a presença dos vereadores, secretários e do prefeito Vagtonio Brandão (PR).
Antonio Francisco Ferreira, secretário da pasta, fez uso do plenário da Câmara  e falou da situação que estava a saúde quando assumiu a secretaria. Unidades sem ou com poucos médicos, falta de materiais e medicamentos, frota de carros quebrados e unidades socorristas desassistidas.
Em seguida, Antonio Chico como é mais conhecido, comentou algumas ações dos primeiros quatro meses, como a contratação de médicos, reorganização da grade, aquisição de medicamentos, material médico para os postos de saúde e odontológico, recuperação de programas como saúde família e saúde bucal que estavam desativados desde a gestão passada.
“Diante do que encontramos no dia 1º de janeiro quando assumimos, posso dizer que a saúde em Buritirana, avançou muito, apesar de não termos  tudo  que a comunidade precisa. Temos alguns gargalos para enfrentar como cirurgia que ainda não conseguimos disponibilizar para a população, mas estamos trabalhando para isso”, destacou.
O prefeito Vagtonio Brandão, fez um balanço do quadriênio e avaliou como positivo os avanços na secretaria. “Apesar das dificuldades enfrentadas por não termos hospital, mas com o esforço de toda a equipe, temos feito um trabalho razoável e a prova disso é a melhora significativa na saúde”, comentou.
Vagtonio fez questão de enfatizar os pontos em funcionamento como “médicos e medicamentos nos postos, ambulâncias funcionando, laboratórios e consultório dentário em funcionamento, agentes de saúde atuando, melhoria nos salários dos profissionais, e desbloqueio de recursos que estavam bloqueados”.

Postar um comentário