27 julho 2013

Pesquisa da oposição comprova: Madeira continua em alta, mas tem gente que ainda não entendeu...

Informações sobre a popularidade de Madeira, constatada após pesquisa comunista teria sido um dos motivos de uma reunião que ocorreu em São Luis, e determinou que militantes não fizessem criticas a Madeira, mas tem gente que ainda não entendeu.

Aurelio e Hesmes, distante da realidade...
Com a decisão do PC do B, em determinar que lideranças do partido não realizem atos contra o prefeito de Imperatriz, Sebastião Madeira, ficou claro que as ações do vereador comunista, Carlos Hermes, e o aliado, o vereador Aurélio (PT), estão desarticuladas e sem sentido, e andando na contra-mão da própria opinião publica.

A última tentativa do grupo da: “oposição a qualquer preço”, de tentar criar um fato político foi mais uma vez frustrada, quando, ao intervir de forma inexperiente em um acordo dos ex-funcionários da Limp forte e a prefeitura, que mais uma vez, de forma conturbada, foi encerrada sem acordo, - apesar das partes interessadas terem a opinião diferente – comprovando mais uma vez que as ações dos vereadores são desarticuladas e inconsequentes, e estão, sem medo de errar, fora da realidade.

Madeira, com credito.
Por outro lado, após pesquisa realizada pelos comunistas, para avaliar a situação eleitoral de Flávio Dino em Imperatriz, ficou constatado também, que a pior estratégia da oposição é atacar o prefeito de Imperatriz. A pesquisa demonstrou exatamente o reflexo dos trabalhos realizados pela prefeitura, tanto nos bairros periféricos quanto nos próximos do centro da cidade, que resolvem problemas históricos, - como o que está sendo executado no Bairro Maranhão Novo - , e é, exatamente por isso, que Madeira dispõe de alta popularidade e credibilidade na cidade, conforme dados da pesquisa.

Outra prova das movimentações desarticuladas realizadas por um pequeno grupo de radicais, foi a tentativa de usar as manifestações que sacudiram o Brasil no mês passado, de forma distorcida em Imperatriz, tentando viabilizar uma perseguição implacável a Madeira, o que acabou por esvaziar o movimento, isto, mais uma vez, sob a lideranças de pequenos grupos financiados pela oposição.

Portanto, ficou claro para a oposição estadual que tenta se articular na cidade, pelo menos por enquanto, não adianta confrontar o atual governo municipal, somente os vereadores em Imperatriz Carlos Hermes e Aurélio, ainda não conseguiram entender o recado vindo dos seus patrões.
Postar um comentário