05 julho 2013

PTC tenta reformulação em Imperatriz ....

Partido do atual prefeito de São Luis, Edvaldo Holanda Jr., tem hoje, 5,  uma das suas missões mais complexas para este ano. Tentar a qualquer custo, injetar lideranças da região Sul do Estado, pretenso berço da indicação do candidato a vice-governador, que deve também, ser uma das proposta para o apoio do partido ao candidato da oposição.

A indicação não poderia vir sob imposição sem uma liderança de fato, mas, para conquistar espaço para tal projeção, o PTC inicia na região Sul seu trabalho para consolidar uma liderança, que deve culminar mesmo na tal imposição, isso se os comunistas aceitarem claro, visto que a luta pela indicação do vice ainda passam pelo PDT e MD.

Em conversa de petecistas em São Luis, o chefe maior, Edvaldo Holanda, o Velho, deixou bem claro as imposições do partido, inclusive, dizendo que não teria feito acordos com Dino, apenas o Edvaldo jr. Segundo o velho, Holanda, em outros momentos o partido já teria buscado o que era melhor para o grupo, desta não teria nenhuma restrição em fazer o mesmo.

A estratégia do PTC em Imperatriz será lançada esta tarde, na praça de Fátima, com a filiação de várias personalidades e entre elas, o Apóstolo Alex, irmão do Enéas Nunes, que deve ser a indicação Sul Maranhense para compor a chapa com Dino.

Junto com Edvaldo Holanda devem chegar também os presidentes, vice-presidente do partido no Estado; presidente e secretário municipal de São Luis, Deputados federais de outros Estados e ainda, prefeitos e vice-prefeitos petecistas, que participaram do ato político logo mais.


Desconfiança_

Mas o que cerca o partido ainda é a desconfiança, processo natural de consolidação de qualquer grupo que se apresente como novo. Mas algo constrange ainda as mentes políticas, visto que o antigo presidente, Justino Filho, ainda dispõe de crédito junto ao Holanda velho, sendo assim, a indicação de Alex e os demais lideres de seu grupo pode estar sendo referendada por Justino, que em Imperatriz ainda não conseguiu passar dos 600 votos como candidato a prefeito e nem dispõe de confiança e nem moral na cidade, portanto, um péssimo exemplo.  Apesar de algumas pessoas ligadas ao Apostolo negarem tal relacionamento, a única forma de extinguir de vez esse mal seria mudar integralmente a presidência do partido em Imperatriz, já que o atual presidente da executiva provisória, é nada mais nada menos que, Wallas Casa Nova, filho de Justino Filho.

É esperar pra ver...
Postar um comentário