19 setembro 2013

Prefeito Jairo Madeira visita Unidades de Saúde e entrega balanças antropométricas

João Lisboa_ O Prefeito Jairo Madeira, juntamente com a vice-prefeita, Maria do Nilson; o secretário de Saúde, Cleonaldo Diniz; a coordenadora da Atenção Básica, Carla Rocha e o secretário de governo Evilásio Seledor, visitaram as Unidades Básicas de Saúde do bairro Cidade Nova, Norte Sul e Centro, onde, na oportunidade, realizaram a entrega das balanças antropométricas.


O kit, que servirá para a ação de qualificação do Pré-natal na Atenção Básica, através do programa rede cegonha do governo federal, compõe uma balança antropométrica e um detector fetal, que será disponibilizado pelo MS, e visa garantir atendimento de qualidade através do Sistema Único de Saúde (SUS) a todas as mulheres grávidas e crianças até os primeiros anos de vida do bebê.

A contemplação do município de João Lisboa foi definida a partir das informações do Censo realizado nas Unidades Básicas de Saúde do Brasil e do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB).

Na Unidade de Saúde Norte Sul, situada no bairro que leva o mesmo nome, foi possível entender as dificuldades encontradas pelos agentes de saúde, enfermeiros e médicos em razão da falta do equipamento. “A antiga balança da unidade encontra-se impossibilitada de uso”, informou o diretor Robson da Conceição.

A Unidade Básica de Saúde do Bairro Cidade Nova, cuidadosamente coordenada por Maria do Socorro, é considerada a maior e mais importante unidade da cidade, pois abrange o maior bairro e que possui, naturalmente, a maior quantidade de moradores que buscam diariamente o atendimento de saúde. A dificuldade da equipe também estava relacionada ao mesmo motivo, a falta da balança, que auxilia diretamente no controle do peso das crianças que participam do “Bolsa Família” e mantém as informações atualizadas para que o município continue cadastrado no programa. 
A unidade de Saúde do Centro, não possuía o equipamento, apesar de dispor de duas equipes do PSF. “Usamos a balança de outras unidades”, confirmou a coordenadora, Irmã Luiza, que ainda destacou o atendimento ginecológico que ocorre na unidade três vezes por semana, às terças, quarta e quinta-feira.

Além da entregas das balanças, a visita serviu para constatar “in loco” o fornecimento de medicamentos e os atendimentos realizados nas unidades, como também a condição estrutural dos prédios que serão reformados a partir do próximo ano, como informou o secretário. 

(assessoria)

Postar um comentário