02 outubro 2013

Outro rato: Consumidor de Terezina encontrou roedor na garrafa de coca-cola

O consumidor identificado por Augusto comprou uma Coca-Cola de 290 ml em uma mercearia na zona Sul de Teresina  e tomou um susto ao ver algo parecido com um rato dentro da garrafa de refrigerante.

Diante das diversas acusações envolvendo o nome da empresa, Augusto informou que preferiu não abrir a garrafa e procurou um advogado. 
“Eu não tive mais coragem de beber o líquido e pedi para o comerciante não mexer no lacre exatamente para gente poder entrar com uma ação. Eu procurei logo um advogado para saber o que a gente poderia fazer e decidi processar a empresa”, disse.

Marcial Lima
Postar um comentário