31 outubro 2013

Por água abaixo...

Oposição curte a disposição dos vereadores governistas
Foi por pouco tempo a ausência do líder do governo, Zé Carlos e do prefeito Sebastião Madeira, mas o bastante para a oposição explorar a inocência dos vereadores governistas e criar a CPI da CAEMA.

Para alguns, a falta de experiencia dos vereadores foi o motivo da aprovação, o que é trágico, mas recuperável, principalmente por ser da oposição o único interesse em tentar desgastar os governos Estadual e Municipal, apesar do segundo não ter lá suas responsabilidades com a ausência de investimento da estatal. A ausência, isso mesmo, foi o motivo do pedido do arquivamento da CPI proposto pelo vereador Zé Carlos, que afirma não ser necessário investigar onde não existem denuncias de corrupção, e se tivesse, caberia aos Deputados Estaduais e não ao parlamento municipal investigar.

Sindsaúde, PT e PC do B, oposição unida 
para criar factoide
Outras duas vezes a oposição tentou tripudiar o governo, no caso da Vila Cafeteira e da CAEMA, mas ambas foram minadas. Nos dois casos alguns vereadores governistas, em seus momentos de "viagem", discursaram a favor das propostas.

Não que os mesmos não devam fiscalizar com rigor as ações do executivo, e até devem, mas também deve estar atentos a estratégia da oposição em tentar criar fatos políticos.

Quem sabe no próximo ano, quando completará o primeiro biênio de mandato os vereadores governistas, eles entenderão que a intenção exclusiva da oposição não é ajudar o prefeito e sim ajudar a boicotar a visibilidade positiva do governo, que por sinal, tem esbanjado satisfação. A prova disso é o inicio da reforma da Unidade de Saúde da Vila Nova, onde o vereador petista convocou a biatada e o sindsaúde para realizar um levante contra o tal fechamento do posto, como disse a oposição, como se o posto fosse piorar, ofendendo todo o raciocínio simples daqueles que não tem muito o hábito de usar uma parcela pequena de QI, onde, no mínimo, no censo comum, possa entender que uma reforma não é realizada para piorar. 
Postar um comentário