23 maio 2014

Isolado, João Castelo foi extremamente deselegante...

Com sua peculiar experiência politica, um discurso aplumado de quem sempre ocupou cargos importantes durante toda a sua trajetória politica, como governador e prefeito da capital do Estado do Maranhão, João Castelo fez um discurso de guerra contra a intenção já consolidada do grupo da oposição de apoiar Roberto Rocha para o Senado, chegando a colocar seu nome como mais uma opção e o objetivo quase certo (se depender dele) de pleitear a vaga.
Apesar dos discursos alinhados entre Castelo e Gardenia, a filha deputada, o ex-governador aproveitou sua parte e deu um tom de rancor e disputa, provavelmente de resquinhos ainda guardados da eleição para prefeito, quando Roberto Rocha deixou o PSDB (mesmo partido de Castelo) e filiou-se ao PSB para compor como vice na chapa do atual prefeito e seu opositor no processo. E Castelo alfinetou: “Sou conservador, sempre fui do mesmo partido, nunca fiquei mudando de galho em galho para aproveitar a melhor oportunidade de me dar bem”. Apesar do discurso certeiro que tinha por alvo todas as ações de Roberto Rocha, o ex-governador permanecerá sozinho com seu objetivo de também ser candidato ao Senado. 

“Tenho partido e tenho o direito democrático de ser candidato”, ressaltou, mesmo sendo impossibilitado em função de já haver um acordo entre o PSB e PSDB, feito com o presidenciável Aécio Neves, e também, e ter entrado no pleito já depois do acordo ter sido chancelado.
foto:kelly 

Para as lideranças que estavam presentes no ato tucano ocorrido em Imperatriz, ontem (22), João Castelo foi extremamente descortês, não respeitando todos os aliados que diferente dele, pregavam a unidade do grupo, quando colocou seu interesse em um momento inoportuno, em função da importância do evento para a oposição e para a cidade.  E apesar de todo o incomodo, o que ficou foi a impressão real de independência e de isolamento do ex-governador João Castelo, que agora tenta barganhar perante um tema já ultrapassado e resolvido, como frisou o ex-deputado Deoclides Macedo, e como destacou o prefeito Sebastião Madeira; "O PSDB fechou com a indicação do vice-governador Carlos Brandão e com o pré-candidato Roberto Rocha, essa é decisão da executiva Estadual e Nacional.




Postar um comentário