07 abril 2015

ITZ: Vereador João Silva elogia programa de regularização fundiária

Vereador João Silva diz que prefeito Madeira foi sensível a
um grave problema social que assolava a cidade

“É considerada inédita essa iniciativa da prefeitura municipal que viabiliza a regularização de imóveis dos moradores dos bairros e povoados de Imperatriz”, observou o vereador João Francisco Silva (PRB), líder do Governo no Poder Legislativo, que na semana passada participou de reunião junto à comunidade do Parque Sanharol.


Para ele, o prefeito Sebastião Madeira acertou em criar a Secretaria Municipal de Regularização Fundiária (SERF) e, consequentemente, ter nomeado o advogado e jornalista Daniel Pereira de Souza, gestor que não mede esforços para legalizar os assentamentos urbanos em Imperatriz.

“A custo zero, o município está legalizando todos os imóveis de nossa cidade que não eram documentados, pois a dificuldade era muito grande, mas hoje a situação é diferente”, diz ele, que aplaude a iniciativa do secretário Daniel Souza que vai de encontro com os moradores dos bairros que lutam pelo processo de regularização dos assentamentos urbanos.

João Silva considerou louvável a reunião no Parque Sanharol e avisou que mais quatro reuniões estão agendadas para serem realizadas nos bairros pelo secretário de Regularização Fundiária, Daniel Souza. “Estarei presente nesses encontros comunitários, pois é um secretário que demonstra competência no exercício da função. De parabéns o Daniel Souza e toda equipe que o auxilia na Serf”, reconhece.


Benefícios - O vereador, que também é advogado, compreende que “esse não é nenhum favor, mas uma obrigação do município em legalizar os imóveis dessas áreas desprovidas de documentos, pois contribui para o fortalecimento da cidadania e possibilitar o cidadão a ter acesso a linhas de financiamentos bancários para construção e reforma do imóvel.


“A regularização desses imóveis culmina diretamente na melhoria da qualidade de vida da comunidade que passa a investir em construção e reforma de suas casas, gerando emprego e renda”, conclui. 

Gil Carvalho
Postar um comentário