19 novembro 2016

FAROESTE DE CABOCLO: Imperatriz tem noite macabra com 7 assassinatos e 3 baleados.


Os crimes começaram a ocorrer no inicio da tarde com uma morte no Bairro Leandra e logo depois um assalto onde os bandidos esfaquearam um Cabo da PM, no Bairro Bacurí.

Ao longo da noite de ontem (18), segundo a imprensa, também pode ser considerada uma das noites mais perigosas dos últimos tempos em Imperatriz.

Historicamente, a cidade já teve momentos em que, segundo os mais antigos, se matava um e amarrava outro pra morrer amanhã, porém, os tempos são outros, e Imperatriz não esperava ver em sua história uma noite macabra como a de ontem.

Segundo informações atualizadas do grupo ITZ noticias, as vítimas são: Antônio Luiz Carvalho vulgo Porcão do mercadinho, Tiago Sousa Xavier – Bairro Caema, Wancley da Conceição Rosa vulgo cleitinho - Bairro vilinha,  no Bairro Leandra foi o 4° crime, mas até o  momento sem identificação, Josivaldo Araújo vulgo Nene, do Bairro São José, Jean de Aguiar do parque alvorada 2, no HMI morreu Valdeir Santos Cabral que estava usando tornozeleira eletrônica, Baleado na rua Manaus no Bairro Nova imperatriz.
         Outros três homens deram entrada no HMI (Hospital Municipal) baleados e uma mulher com um tiro na perna.

Entretanto, um fato ainda intriga a sociedade que acompanhou pelos grupos de Whatsapp as noticias que vinham de diversos bairros e pareciam mais ficção que realidade, o que fez muita gente questionar a veracidade das informações que contabilizavam a quantidade de homicídio. Embora a eufórica sensação de insegurança, a notícias de que as vítimas possuem históricos de envolvimento ou ligação com o crime, fez a sociedade se manifestar menos preocupada com a sequencia de informação e a ideia de um provável justiceiro, como grupo de extermínio ou até mesmo confrontos de facções rivais se reforçou.


Nas próximas horas o Secretário de Segurança do Estado deve apresentar em coletiva de Imprensa, mais detalhes sobre a “noite macabra”. O secretário de Estado da Segurança visitou o Polícial Militar que se encontra em recuperação na UTI do Hospital Macro Regional.
Postar um comentário