23 novembro 2017

Em Imperatriz, Construção Civil puxa alta do emprego em outubro


O mais recente Cadastro Nacional de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, mostra que o Maranhão vem mantendo bom desempenho na geração de empregos com carteira assinada, destacando-se entre os estados que mais geraram oportunidades de trabalho no país em outubro. Foi a 13ª colocação entre todas as Unidades da Federação.

Além da boa colocação nacional, o Caged destaca a importante colaboração do município de Imperatriz para os bons resultados na geração de empregos formais no Estado, com ênfase para o setor de Construção Civil, que registrou 1.084 novas vagas com carteira assinada em outubro. O setor de Serviços criou 193 oportunidades formais de trabalho na cidade.

O município já havia se destacado no setor de Construção Civil no mês de setembro, quando foram criadas 927 vagas na área. No acumulado de 2017, já são 2.812 novos empregos gerados somente na Construção Civil da principal cidade da Região Tocantina.

Embora o setor responsável por maior geração de empregos no Estado tenha sido a agropecuária, setor tradicionalmente mais forte na região de Balsas, Imperatriz ficou entre as cidades com melhor desempenho no saldo de empregos, ao lado de Campestre do Maranhão (1,3 mil novas vagas), Balsas (697), São Luís (591) e Paço do Lumiar (517).

A força das obras


Entre as razões que explicam o número significativo de novos empregos no setor de Construção Civil, estão as obras de infraestrutura do Governo do Maranhão na cidade.

Fruto do Investimento em Programas como o Mais Asfalto, Escola Digna e Água Para Todos, a cidade também recebe obras importantes como a revitalização da Avenida Beira-Rio. Um total de 85% dos serviços está concluído com a concha acústica e a contenção das erosões. Em andamento estão a parte elétrica, de paisagismo, iluminação, grama e quiosques que recebem reforma.

Os empregos no setor de Infraestrutura devem ser ampliados com o anúncio da revitalização do Calçadão, maior ponto comercial de Imperatriz, previsto para iniciar em janeiro de 2018 e da Construção de um Parque Ambiental, com obras que devem iniciar no ano que vem.

No Maranhão, as obras de Infraestrutura geraram 11.594 novas vagas formais no setor em 2016, de acordo com dados do Ministério do Trabalho e Emprego. Com a recuperação da economia e o reforço dos investimentos do Governo do Estado, o setor deverá apresentar crescimento de novas oportunidades também em 2017 e 2018.
Postar um comentário