29 março 2018

À toa, Daniel mostra partes baixas e vai preso por 'ato obsceno'


A polícia Militar do Maranhão, em Imperatriz, prendeu na noite de ontem (28), Daniel Matos de Sousa de 33 anos após ter sido acusado de mostrar as partes intimas para mulheres que passavam na rua. A denuncia foi feita por um motoqueiro que parou a viatura composta pelos policiais Eduardo e Cabo Torres, que após buscas conseguiram localizar o à toa.

A demonstração das partes baixas teria ocorrido em pleno centro da cidade, na Av. Ceará.

O acusado foi levado para ao plantão central da Polícia Cívil pela acusação de "prática de ato obsceno", segundo a assessoria do 13° BPM.

Postar um comentário