Publicidade


24 setembro 2021

Assis articula pessoalmente rompimento com a Caema

 

ssis reúne minoria da base para articular rompimento, mas desfruta do poder moderador, o apoio da presidência da câmara.



O prefeito de Imperatriz, Assis Ramos, articula pessoalmente a quebra de contrato com a Caema. A demonstração do interesse efetivo ficou claro ao reunir-se com vereadores da base e o presidente da câmara, Alberto Sousa nesta quinta (23).  Segundo o prefeito, "não seria mais possível admitir a falta de saneamento básico". 
O interesse ganha força após obter maioria na câmara e defender o rompimento na ultima campanha eleitoral, mesmo o projeto sendo anterior a isso. Assis insiste em dizer que a questão da caema seria de saúde pública, para reforçar o desejo. Em audio divulgado em sua página pessoal, o prefeito prometeu que as contas de água não seriam aumentadas, mas sim diminuídas, o que foge a sua "ossada" se a companhia for realmente privatizada. Por outro lado, a justificativa do projeto pede a devolução a prefeitura, com a criação do SAAE, pelo menos temporariamente. 

O que ficou evidente na reunião com os parlamentares também foi a ausência de personagens que teoricamente fariam parte da base, como o vereador "rachadinha" do posto Burití, Jonny Pan e Terezinha Soares. 

Segundo uma fonte do governo, vereadores da base teriam proposta formada de até de 100 mil reais para assinar a privatização. 


Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Estreito conquista 1º lugar em duas categorias do Prêmio Band Cidades Excelentes

  ESTREITO – O município de Estreito conquistou o primeiro lugar em duas categorias do Prêmio Band Cidades Excelentes do ano de 2021, realiz...