Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]






Além do debate dos vereadores quedesejam concorrer a eleição da câmara, outro debate é travado com o mesmoobjetivo, porém, é o debate dos que acreditam influenciar a decisão dos demaisparlamentares.

Com o advento da comunicaçãovirtual, é preciso aceitar, principalmente por alguns poucos, quedurante muito tempo foram os únicos que palpitavam e contendiam somente com abanca do Chico, que nos dias atuais, todo mundo é formador de opinião. Isso,porém, não quer dizer que o fulano pode influenciar em alguma coisa, mas dequalquer forma, o debate é salutar, e desqualificar as opiniões como se um pudesse e outro não, é uma alternativa extremamente descortês, principalmente para jornalistas, defensores naturais daliberdade de expressão.

Voltando ao debate que realmentenos interessa, e entrando exatamente no que também é da minha conta, o ultimo biêniona câmara de vereadores foram um dos mais democráticos dos últimos 8 anos. Oatual presidente, José Carlos (O pé de pato) conseguiu democratizar em todos ossentidos aquela casa, porém, isso não quer dizer que ele seria o único quepreservaria tal feito. 

Em sentido contrário, o ex-presidente Hamilton Miranda (PP), que pode esnobar-se de 3 eleições (cada uma por um partido) e ter sido durante seupleito à frente da casa ‘mirim’ de leis, o mais impopular dentre ospresidentes daquele parlamento. Hamiltão sempre se colocou acima dos demaisparlamentares de tal forma, que foram contadas as vezes que sentou à mesa comumdurante os últimos 2 anos em que não foi presidente.

Se voltar a presidência da casa,o que também é bem provável que ocorra por vários motivos, Hamilton Mirandaserá o parlamentar que mais comandou a câmara, provando ainda, que, as eleiçõese a política, em quase nada tem trazido renovações, entretanto, é preciso não desgastar os ânimos, pois, quando o poder do palácio entrar em cena, todo poder contrario se dissipa. 



Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:20





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D