Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]





A concessão da exploração dotransporte urbano em Imperatriz foi concedida ainda em 2008, na véspera dasaída do então prefeito Ildon Marques de Sousa, de quebra, ainda foi estipuladoum aumento nas passagens, o único feito até hoje.
ônibus quebrado em João Lisboa
O contrato com o município concedeu o direito de exploração do serviço por 20 anos, para a empresa VBL e para aAparecida. A contra partida da empresa, óbvia por sinal, em função do longoprazo de exploração, seria de manter ônibus com no máximo 10 anosde uso, o que ocorre hoje é totalmente o inverso, para os usuários, pois é possívelencontrar veículos do ano de 94, portanto, mais de 20 anos de uso. A conseqüênciaé o que temos visto na cidade, uma quantidade de veículos totalmentesucateados, mas visivelmente inteiros, em função da maquiagem feita naspinturas.
Mas o problema que acarreta aconstante quebra dos ônibus, fato constantemente visto no centro e nos bairrosda cidade é outra questão; No contrato de prestação de serviços feitos com aSuzano, a empresa VBL, é obrigado a colocar ônibus semi-novos, lavados, commanutenção em dia, inclusive sendo vistoriados diariamente ao entrar no pátioda Suzano.
A conseqüência disso é comprovadanos demais veículos, - estes que ficam a disposição da sociedade, pois osdemais veículos a empresa não conseguem manter o mesmo padrão; Os ônibus estãosujos, com as molas quebradas e sem manutenção, em geral, sendo revisados somentequando definitivamente eles quebram. Acontecimento comum nos dias de hoje, comovemos nas ruas do centro da cidade e nos bairros.
Vereador Alberto Sousa
A empresa não possui condições demanter ou dar assistência aos dois clientes, optando dar condições para ointolerante, neste caso, a Suzano.
O vereador Alberto Sousa usou hoje(29) a tribuna para acender a luz amarela (alerta) mais uma vez e avisou: “Casoessas empresas não se organizem o município buscará os meios jurídicos pararesolver o problema”
É importante colocar as condiçõesque o ex-prefeito fez a concessão para a exploração do transporte, inclusiveautorizado pela maioria dos vereadores que compõe a comissão responsável pelotransporte. A autorização foi feita sem as mínimas condições legais, inclusive comprazo e divulgação do edital, visto que, por debaixo da porta, a exploração doserviço, concedida por 20 anos, serviu exclusivamente para manter uma ajudafinanceira a campanha do ex-prefeito e de alguns vereadores.
Mesmo com tantos problemasapresentados pela empresa, para cumprir o que manda o contrato de prestação deserviços (publico por sinal) ainda será muito difícil ver a interferência do legislativona cobrança da melhoria ou pedindo explicação da empresa através de uma “audiênciapublica”, ocorrência comum quando serve aos interesses dos vereadores.
O que os usuários devem esperar éuma atuação enérgica por parte do executivo, que deve envolver a promotoria publica e exigir um acordo através de um TAC (Temo de ajuste de conduta), somente assim pode haver alguma mudança.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:54





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D