07 junho 2017

Operação da Polícia Civil prende três suspeitos de realizarem ataques em agência bancária

A Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP) apresentou, nesta terça-feira (06), três acusados de participarem de um ataque a uma agência bancária do Bradesco, no município de Paulo Ramos. Foram presos em Paulo Ramos e Bom Lugar, Josimar Santana Pinto, 33 anos; Josué da Silva Sousa, 39 anos; e José Augusto dos Santos, 46 anos. Foram identificados outros dois suspeitos. O Superintendente da Seic, Tiago Bardal, informou que as investigações continuarão.

O ataque a uma agência bancária do Bradesco, no município de Paulo Ramos, ocorreu no dia 31 de maio de 2017. No dia anterior, os assaltantes sequestraram um funcionário da agência e, no dia seguinte, arrombaram a agência, mas o alarme disparou e eles deixaram no local o material usado na ação criminosa.

O Departamento de Combate a Roubos às Instituições Financeiras (Decrif), que integra a Seic, iniciou as investigações da ação criminosa, que resultou na prisão dos envolvidos, que utilizavam um maçarico para abrir os cofres e caixas eletrônicos das instituições financeiras.

O secretário de Segurança Pública (SSP), Jefferson Portela informou que um dos criminosos, Josimar Santana Pinto, era vigilante da agência Bradesco de Paulo Ramos. Ele teria repassado as informações para o resto da quadrilha. O outro envolvido, o José Augusto tem um mandado de prisão expedido pela Comarca de Macapá por envolvimento em crime de estelionato.
Postar um comentário