06 novembro 2017

Gargalo decano...


Poucas cidades do porte da cidade de Imperatriz ainda é possível andar com caminhões grandes (2 ou mais eixos) no Centro da cidade em pleno horário de "pico".

Apesar de dispor de uma lei sancionada à força, a lei de mobilidade urbana, aprovada no ano passado pela câmara de vereadores, a falta de cumprimento, regulamentação ou interesse a tornou uma lei que não precisa ser cumprida. 

Os semáforos ainda não dispõe de sincronização, a faixa exclusiva para ônibus só existe na lei e ainda não credencia o acesso aos táxis e ambulâncias, ainda assim, o ideal, ou o minimo que poderia ser feito seria proibir caminhões de carga e ônibus de turismo circular nas duas principais vias do centro, no minimo, a Dorgival e a Getulio Vargas, nesse sentido somente as ruas transversais, finais de semana ou horários fora do grande fluxo seriam permitidos o acesso. 

Estamos atrasados a décadas com relação a modernização da mobilidade urbana.
Postar um comentário