24 agosto 2018

ITZ: Alunos participam de teste de aceitabilidade da merenda escolar para 2019


Quatro unidades municipais foram responsáveis pelas avaliações

por Sara Ribeiro
foto divulgação retirada da internet 

Em continuidade ao trabalho de verificação da aceitabilidade do cardápio da merenda escolar para 2019, o Departamento de Nutrição, da Secretaria Municipal de Educação, Semed, aplicou nesta quinta-feira, 23, teste de aceitabilidade na Escola Municipal Santa Clara de Assis, Jisca, no Bairro Ouro Verde.

Coordenado pelas nutricionistas Claudenir de Carvalho e Sara Palácio, a visita encerra ciclo de testes realizados nas escolas. Objetivo, além de concluir o cardápio da merenda escolar para o próximo ano, foi de finalizar tabela de itens alimentícios que deverão ser licitados para as guarnições.

Para diagnóstico da aceitabilidade, o cardápio escolhido foi macarronada à bolonhesa, com questionário na linguagem adequada para as crianças, com escolha hedônica, fácil e mista, na qual apontaram preferência ou não.

“O teste vai nos indicar as preparações aceitas pelas crianças que continuarão no cardápio. As que não tiveram aceitabilidade, de acordo com a porcentagem indicada pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, que preconiza 85%, esses produtos serão substituídos por outras preparações” – destacou a nutricionista Claudenir de Carvalho.


Com a escola Jisca, outras três, como Lírio dos Vales, Bairro Nova Imperatriz; Tomázia de Carvalho, Bacuri; e Madalena de Canossa, no Parque Santa Lúcia, foram contempladas. Foram escolhidas por polos, respeitando a quantidade de alunos especificada pelo Ministério da Educação, MEC.

“Vale ressaltar que a escolha do cardápio é feita a partir das necessidades nutricionais das crianças, sendo obrigatória inclusão de frutas, verduras e legumes, produtos ricos em vitaminas e nutrientes necessários para uma alimentação saudável” – frisou a nutricionista.

Além disso, durante esse trabalho, as merendeiras recebem orientações sobre manipulação dos alimentos, acompanhando desde a higienização do local, uso de equipamento de proteção individual, preparação da merenda e distribuição às crianças.

Cleudes Martins da Silva, merendeira da escola, afirma ter um jeito todo especial no preparo da alimentação. “A macarronada é um dos pratos mais aceitos pelas crianças, por isso caprichamos no molho natural, com tomate sem pele, temperos que darão sabor, fazendo com que a comida fique bem mais gostosa e de qualidade” – finalizou.
Postar um comentário