13 dezembro 2018

Tucano voando baixo...


A ação movida contra o candidato a prefeito Richardson Lousa, ou, Richardson Lima, como ele prefere ser chamado, não é factoide e nem fakenews, é ação de responsabilidade sobre questões que a justiça, através de uma ação do Ministério Publico, julga estar irregular e bloqueou bens tanto do prefeito Erick (da Barra do Corda) quanto dele.  O resultado da ação o joga no miolo da vala comum, onde na ultima eleição políticos de carreira com os mesmos históricos foram expurgados do processo e talvez da política.

Na contra-resposta divulgada nas redes sociais, ele se julga espantado pela decisão da ação movida em 2015 ser sentenciada 3 dias após o lançamento dele mesmo como candidato, entretanto, a mensagem ficou parecida com aquelas emitidas por Luis Inácio, que nega até a amizade com Palocci, quando encalacrado pela justiça. Diferente do que boceja, o pré-candidato ainda não existe como político nem como perseguido, mas é conhecido como empresário do ramo de gráfica bem sucedido, que firmou a trajetória  em cima da prestação de serviços a prefeituras, e só!


Nenhum comentário: