Desembargador afasta 9 vereadores recém eleitos da câmara de Açailândia.

 Impasse democrático resolvido de forma monocrática ocorre após confusão na eleição da câmara de vereadores que reelegeu o decano vereador Ceará.


Por uma determinação do desembargador Luís Gonzaga Almeida Filho do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), quem está presidindo a casa de leis é o Ver. Josibeliano Chagas Farias (Ceará), que na manhã desta quinta-feira (18) baixou um decreto extinguindo o mandato dos vereadores eleitos, empossados durante a sessão de posse e eleição da mesa diretora da CMA, realizada as 00h30min do dia 01 de janeiro, anulada pela justiça, que reconheceu como legítima a sessão de posse realizada as 10h daquele mesmo dia, que elegeu Ceará.

Com a cassação de mandato dos nove vereadores, que foram empossados dentro do prazo legal, seus suplentes deverão assumir.

São Eles:
✓ Feliberg – Professora Arleilde (suplente)

✓ Thais Brito – Sarney Moreira (suplente)

✓ Odacy – Pr. Vilegagnon (suplente)

✓ Demazim – Dr. Jofre (suplente);

✓ Robenha da Saúde – Dr. Thiago (suplente);

✓ Dennes – Dr. Antonio Filho (suplente);

✓ Kell – Sirley Mototaxi (suplente);

✓ Erivelton Trindade – Heliomar Laurindo (suplente);

✓ Lucas Alves – Ancelmo (suplente);

Cairam os Vereadores:

✓ Cleones Oliveira Matos;

✓ Feliberg Melo Sousa;

✓ Ademar Martins da Silva;

✓ Odacy Miranda da Silva;

✓ Erivelton Carlos Ramos Trindade;

✓ Lucas Alves Moura;

✓ Udenes Pereira da Silva Rodrigues;

✓ Robenha Sousa Pereira de Jesus;

✓ Thais dos Santos Brito Fritsche.

Com informações do blog Antônio Marcos


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Imperatriz tem maior contaminação diária de Covid-19 no MA

Covid silencia cantor e compositor Cruz Gago

Imperatriz tem mais um registro fatal de Covid-19 com paciente fora do grupo de risco

Ex-vereador condenado pela Justiça e irmão do atual secretário de Agricultura detona os bastidores da gestão de Léo Cunha