04 outubro 2018

Deputado pode ser denunciado por compra de votos

Um candidato a deputado estadual da região tocantina segue um verdadeiro dilema com o receio eminente de derrota e por isso começa a direcionar sua campanha para o ultimo suspiro, a compra de votos.

Segundo aliados que fazem parte da organização da campanha, nem as músicas estariam sendo aprovadas e o clima interno seria tensos.

Para piorar, mensagens via whatsapp identificam uma suposta compra de votos de motoristas Uber inclusive com propostas de combustível. O motorista deve colocar o adesivo do candidato no vidro traseiro (citru) e receberão outra cota no dia da eleição. As mensagens foram entregues para outros dois candidatos que devem denunciar o crime eleitoral no TRE.

O blog vai apurar o material (prints) que teve acesso e que comprovam a compra ilícita de sufrágio e posteriormente faremos a divulgação. 

Postar um comentário