02 julho 2019

Em Porto Franco, vereadores convocam população contra endividamento do municipio


Nem todos os recursos capturados do município, como o IPTU, nunca cobrado anteriormente, tem sido suficiente para matar a fome do prefeito de Porto Franco

Foi convocado em sessão extraordinária pelo presidente da câmara, para que seja votado um empréstimo milionário para o executivo trocar lampadas dos postes. A medida é vista por todos os campos da sociedade como desnecessários e injustificável, a medida que seriam 8 milhões para o executivo gastar como bem entender, já que no projeto não existe qualquer especificação, mas um monte de prováveis gastos, avalia a vereadora Nalva.

Desde o inicio da administração do médico Nelson Horácio, a câmara vem perdendo autonomia e virou praticamente um puxadinho da prefeitura, onde tudo que é proposto mesmo que sejam medidas impopulares, parte dos vereadores (a maioria) sempre estão dispostas a arriscar por causa de algo ainda incompreensível.

Os quatro vereadores que vem resistindo ao sucateamento do município, Nalva, Felipe Aguiar, Rubens de Sá, Edivan Miranda e Durval Neto, lutam contra uma verdadeira enxurrada de fake news e ataques a suas pessoas financiados pelo executivo, mesmo assim os 5 vereadores que tem força para barrar o endividamento desenfreado do município, tem mantido a posição. 

A prefeitura praticamente está torrando o fundo de pensão dos servidores e outros milhões por ano também são gastos com mimos e regalias desenfreadas do executivo. Se a prefeitura economizasse apenas com a taxa de iluminação pública daria para fazer investimentos imensuráveis tanto na troca de lampadas (sonho do prefeito) quanto em asfaltamentos de ruas. "Basta apenas organizar", avalia os parlamentares.

Hoje o ponto alto desse encontro deve ser definido como termina mais esse capítulo. Capangas do prefeito já estariam dispostos a tocar o terror, mas se a população comparecer em massa na sessão de hoje, dificilmente os demais vereadores terão coragem de continuar na posição em que encontram desde sempre. 

É esperar pra ver... 


Nenhum comentário: