14 agosto 2019

De praieiros a fazendeiros. Hobby do primeiro escalão muda de lugar.


Pra quem anda, não é difícil encontrar membros do primeiros escalão e bem próximo do prefeito, tocando gado e comprando fazendas na região sul do estado e também mais para a região central do Maranhão. 

Para muitos que o hobby era o veraneio, de repente uma mudança de comportamento, passa a ser o de tocar gado no pasto, ou simplesmente, 'olhar e não contar'. Segundo pessoas experientes no manejo o ditado "Gado não se conta no pasto" é o mais dito nas rodas de conversa. 

O blog teve acesso a diálogos via whatsapp de um membro do primeiro escalão com pessoas ligadas a negócios na pecuária, passadas por eles mesmos, que apesar de realizar negócios, discordam da fórmula de enriquecimento que o Ministério Público finge não ver.

As mensagens foram dividas em e-mail e outros telefones por segurança pessoal e das informações, e principalmente, por conter precisão no local do empreendimento e altos investimentos na estrutura. O matéria será revelado em uma matéria mais ampla, com mais provas e locais, e será encaminhado ao Ministério Público, apesar do silêncio ensurdecedor e do coleguismo.




Nenhum comentário: