28 outubro 2019

Será se vai...

Após as divulgações de pesquisas a retração. 

Candidatos mostraram para seu eleitorado, claro, cada um com sua pesquisa ou instituto predileto, quem pode e quem não pode vencer as eleições. Com números decadentes, o prefeito Assis Ramos preferiu demonstrar na qualitativa que tem chances de reeleição. 

Sentado na cadeira, Assis pode negociar e barganhar, mas se fosse em alguma corrutela do Maranhão, daquelas onde tudo que circula no município vem dos servidores público ou do poder público, tudo bem. Imperatriz, no entanto, demonstra que a cidade não precisa de prefeito e sim o prefeito precisa do eleitorado. Descolado das gestões pública ou dos interesses pela política, a sociedade imperatrizense observa e elege, mesmo que na ultima eleição tenha sido enganada, é o que dizem as pesquisas. 

Nenhum comentário: