Publicidade


18 setembro 2021

Assis autoriza aliados a se articular por sucessão a prefeitura de Imperatriz

Zé Antonio se destaca pela confiança e habilidade no meio politico, e respeito dos servidores por onde passou, dentro da gestão municipal nesses últimos anos. 

Como delegado, espanta-se quem acredita que o prefeito Imperatriz, Assis Ramos, se contentaria com dois ou mesmo um mandato de prefeito. Nos bastidores, é forte o planejamento para uma provável candidatura da esposa Janaina Ramos, atual secretária de desenvolvimento social, a uma cadeira do legislativo estadual. Na corrida pela sucessão, Assis não parou, e já olha para o processo que só iniciaria após a eleição de governador, geralmente. Se antecipando a esse cenário, o prefeito de Imperatriz autorizou secretários e até o vice-prefeito Alcemir a se projetar a sua sucessão.

Alcemir ganhou uma secretária, apesar do destaque no período que ficou como prefeito, em férias durante o mês de agosto, há quem diga que vê pouca densidade ou articulação para um projeto audacioso. Com secretarias fortes e com recursos sobrando, Janaina seria uma boa possibilidade mas é impedida pela legislação eleitoral. Outro nome que se destaca dentro do quadro é o secretário de educação José Antônio. De forma tranquila e com potencial em seu vasto conhecimento social, político e profissional - tendo acumulado duas secretarias por um período -, é bem visto pelo próprio prefeito, que convidou o secretário a também se articular. Com orçamento gigantesco, tem demonstrado habilidade sem contrair rejeição perante a enorme classe de professores e servidores da pasta, mais ainda, por conta do orçamento, tem levado a "pacote de bondades" a população estudantil e a servidores, com várias ações que o deixam tranquilo para dialogar em qualquer campo, já dizem observadores da política local.

Dentro do quadro atual de secretários podem haver outros nomes, mas que se limitam a pouca confiança do prefeito ou falta de pontos fortes para se projetar.

Sem eleição à vista e com vasta possibilidade de eleger a esposa ao mandato, Assis poderia se acomodar com a situação, no entanto, está de olho na sucessão de 2021 e também na de 2022, quando deixará o cargo para possivelmente, continuar na vida pública em outros horizontes. 

Apesar de precoce o debate, a pauta entra na fila do debate político eleitoral da segunda maior cidade do Maranhão. 

Nenhum comentário:

Postagem em destaque

Estreito conquista 1º lugar em duas categorias do Prêmio Band Cidades Excelentes

  ESTREITO – O município de Estreito conquistou o primeiro lugar em duas categorias do Prêmio Band Cidades Excelentes do ano de 2021, realiz...