09 agosto 2017

Juiza nega soltura de Roberto Elísio, homem que agredia a mãe


São Luis_  A juíza Oriana Gomes, titular da 8ª Vara Criminal de São Luís, negou pedido dos advogados de defesa do bacharel em Direito de relaxamento da prisão preventiva de Roberto Elísio Coutinho Feitas, de 51 anos, acusado de agredir a própria mãe, Joseth Coutinho Freitas de 84 anos. Os vídeos das agressões viralisaram na internet.
Oriana Gomes afirmou que ainda precisa analisar todas as provas e que aguardará as alegações finais do Ministério Público e da própria defesa.
A magistrada garantiu que a sentença final do caso sairá nos próximos dias.
Roberto Elísio foi denunciado pela Promotoria de Defesa do Idoso pelos crimes de tortura, maus tratos, apropriação indébita e retardamento na prestação de assistência à pessoa idosa.
Postar um comentário