31 agosto 2018

S. La Roque: CEMAR diz que cortou energia porque não consegue receber contas em atraso da câmara


Com o esclarecimento da CEMAR ficou muito mais feio para a câmara de vereadores, que agora ficou como caloteira.

Apesar da nota 'choramingando' da presidente da câmara municipal de Senador La Roque que trata o corte de fornecimento de energia pela CEMAR como dano e que diz que irá entrar na justiça, a câmara, na verdade, está mais para caloteira que para vítima. 

Em nota emitida pela fornecedora de energia, a empresa desarticulou todo o argumento que a presidente da câmara, a vereadora Maricélia Menezes, dizia ser vítima de um corte de fornecimento arbitrário (reveja aqui) e revela que tentou por várias oportunidades receber as contas atrasadas, mas sem êxito, o que acabou resultando no corte do fornecimento de energia. 

Agora ficou feio para os vereadores de Senador La Roque, pois falta de recursos não é.

Veja a nota de esclarecimento da CEMAR sobre o corte, por sinal, com toda a razão. 

Nota de esclarecimento  

A Cemar esclarece que a Câmara Municipal de Vereadores do Município de Senador La Rocque possui débitos relativos ao consumo de energia elétrica.
                                
Após diversas tentativas de negociar as dívidas em atraso junto a Câmara de Vereadores do município e, para preservar a regularidade financeira da concessão e o interesse da coletividade de consumidores de energia elétrica, a Cemar, com base na legislação do setor elétrico brasileiro e observadas as cautelas legais, decidiu interromper o fornecimento da energia elétrica de instalações de titularidade da Câmara de Vereadores, na tarde da última terça-feira, dia 28 de agosto de 2018. 

Cabe informar que a Câmara de Vereadores de Senador La Rocque mantém há meses débitos relativos ao seu consumo de energia elétrica e que a Cemar permanecerá disposta a tratar do assunto com o ente municipal de forma a sanar tais pendências.
  
Assessoria de Imprensa da Cemar
Postar um comentário