30 outubro 2018

Assassino que matou e enterrou corpo de ex-namorada participa de audiência.

 Ele confessou o crime e levou a polícia até o local onde o corpo foi enterrado.

Será realizada na tarde desta segunda-feira (29), no Fórum de Justiça em Imperatriz, a audiência de instrução e julgamento em mais um caso de feminicídio acontecido na cidade em junho deste ano. Além do acusado Gabriel Everton, devem ser ouvidas testemunhas.

Relembre o caso: Preso suspeito de ter matado ex-namorada e enterrado em cova rasa

A adolescente Érica, de 16 anos, moradora do Residencial Sebastião Régis, ficou desaparecida por 4 dias até a polícia desvendar o caso e chegar ao ex-namorado dela, Gabriel Everton Fontes da Silva, de 19 anos.


Gabriel foi preso pela Polícia Militar depois que supostas fotos do momento da execução de Érica circularam pelas redes sociais. Os policiais afirmaram que nas fotos aparecia uma mão apontando para a vítima. Nesta mão há uma tatuagem igual a que Gabriel tem.

Ele confessou o crime e apontou o local onde enterrou o corpo da adolescente, assassinada a facadas, próximo ao riacho Cacau, e contou que agiu por ciúme, inconformado com o término do relacionamento.
Postar um comentário