01 março 2015

Promotoria de Imperatriz vai enquadrar 'piriguete' desempregada da SUZANO

O comentário preconceituoso emitido por Isabela Cardoso, que se identifica em sua página social como ex-funcionária da SUZANO, gerou uma forte
indignação e reação por parte dos maranhenses, em especial, os moradores de Imperatriz. 

A desempregada da SUZANO disse que a maioria das mulheres de Imperatriz seriam piriguetes (veja na foto), e que boa parte dos moradores seriam semi-analfabetos, no entanto, a desempregada da SUZANO escreve o nome da empresa com "S" ou invés do "Z" e da tradicional dança junina de ‘bomba’ (sic) meu boi, sendo que o correto seria “Bumba meu boi”. 
Logo após a repercussão negativa a página foi excluída. 

A promotoria através do promotor Joaquim Junior se manifestou agora há pouco na rede social facebook e anunciou um presente ‘à grega’ pra ‘piriguete sulista’ que durante 1 ano e 7 meses deixou o Sul do Brasil para matar a fome em Imperatriz do Maranhão. Segundo o promotor, a desempregada da SUZANO, “...fez comentários preconceituosos contra maranhenses nas redes sociais, bem como contra as mulheres que aqui residem. O fato é considerado criminoso pela legislação”, completou o promotor.


A manifestação da promotoria servirá como repudio da sociedade imperatrizense e de todos os nordestinos, já que em momento ou outro um desmiolado sulista acaba se manifestando de forma preconceituosa (xenófoba) contra moradores de outras regiões. 
Postar um comentário