Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





Por Marcelo Rodrigues

Na tarde desta segunda-feira, (28), o prefeito Jairo Madeira e o Secretário de Saúde Dr. Cleonaldo Diniz realizaram a entrega das novas mobílias e equipamentos, nas Unidades Básicas de Saúde dos Povoados Bom Lugar e Centro dos Carlos. 

Desde o início do mês de julho, que o Executivo Municipal por meio da Secretaria Municipal de Saúde está equipando todas as Unidades Básicas de Saúde do município com equipamentos modernos e mobílias de qualidade proporcionando aos profissionais da saúde melhores condições de trabalho e destinando a população um atendimento diferenciado, com conforto e comodidade. 

Com a implantação dos novos equipamentos todos os profissionais que militam na área da saúde no município terão mais condições para exercerem suas funções e assim, prestar serviços básicos de saúde com qualidade ás comunidades dos povoados Centros dos Carlos e Bom Lugar. 

Para os moradores dos povoados as melhorias proporcionadas pelo prefeito Jairo Madeira, nas Unidades Básicas de Saúde está sendo de fundamental importância para o bem-estar de todos. 

O secretário Cleonaldo Diniz disse, que as melhorias nas UBS,s com a entrega de equipamentos modernos e novas mobílias se fazia necessário e que oferecer um atendimento de qualidade a população tem sido o grande diferencial do Governo Reconstruindo com o Povo. 

“Ao longo desses quase cinco anos de governo do Jairo Madeira conseguimos avanços significativos em todos os sentidos na área da saúde em nosso município, e tudo isso, graças ao empenho e a seriedade do nosso prefeito, e nosso trabalho vai continuar com o objetivo de aperfeiçoar ainda mais o atendimento a nossa população, na área da saúde, e a nossa missão é melhorar sempre” destacou Cleonaldo Diniz

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:56


As comissões de Educação, Cultura, Lazer e Turismo e de Constituição, Justiça e Redação da Câmara Municipal de Imperatriz promoveram na manhã desta quinta-feira (31) amplo debate sobre a criação do Conselho Municipal e do Fundo Municipal do Esporte, além da Lei de Incentivo Fiscal ao Esporte, cujo pré-projeto está sendo elaborado pela Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude (Sedel), com consultoria da subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

O vereador Fábio Hernandez (PSC), que acompanha o processo de elaboração do texto, é autor da proposição para realização da audiência pública, que foi presidida pelo vereador Ricardo Seidel (Rede), presidente da Comissão de Educação.

Participaram do painel discursivo, a titular da Sedel, Greycivane Gomes Lindoso, o presidente da Comissão de Esporte da OAB/Imperatriz, Paulo Mota, a professora da Unisulma, Amanda Miranda, o presidente do Imperatriz, Damião Benício, professores de educação física, treinadores, atletas e empreendedores sociais.

Tramitação

Vereadores, professores e atletas reivindicaram urgência no envio do projeto à Câmara Municipal para que possa tramitar nas comissões e ser votado até o final de setembro, o que possibilitaria já a inclusão no Plano Plurianual Anual (PPA), exercício financeiro de 2018.

A secretária Greycivane Lindoso adiantou que ainda não foi definida a origem dos recursos para composição do fundo nem o percentual a ser incluído na lei.

O vereador Fábio Hernandez revelou que o pré-projeto já teria a aprovação jurídica da Controladoria do Município, restando apenas a redação final para envio à Câmara Municipal.
Ricardo Seidel garantiu que logo que o projeto entre na pauta das comissões técnicas, a Comissão de Educação, Lazer, Cultura e Turismo irá convocar todos os segmentos interessados na matéria para apresentação da peça jurídica antes de discussão e votação no Plenário.

“Essa é apenas a primeira audiência que a Câmara Municipal está realizando para tratar desse projeto. Iremos acompanhar e dar transparência à tramitação da matéria na Casa, com acompanhamento dos desportistas imperatrizenses e demais interessados”, conclui o vereador Fábio Hernandez.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:29

Prefeito Ajuricaba (a direita) fazendo juramento ao lado do vice-prefeito
Com salários em atraso e em alguns casos com mais de 3 meses, a prefeitura da cidade de Montes Altos, administrada pelo prefeito Ajuricaba Abreu (PDT), conseguiu ser o caso mais grave de inadimplência e colapso administrativo em toda a região Sul do Estado. Servidor licenciado da Caixa Econômica Federal, Ajuricaba demonstra que o controle das contas públicas passou a matéria vencida. 

Segundo documentos que o blog Holden Arruda teve acesso com exclusividade, mas que deveriam ser de domínio público e publicado no portal da transparência do município, a folha de pagamento chega a 90% da receita do município, o que fere gravemente a LRF. Pela Lei de Responsabilidade Fiscal, o bastos com servidores públicos deveriam respeitar o limite de 54% da Receita Corrente Líquida, e acaba gerando um resultado devastador, pois se a prefeitura executar serviços básicos simplesmente ela não vai pagar os servidores.

O resultado do descontrole nas contas do município afeta diretamente a economia da cidade, já que o dinheiro para de circular das mãos dos servidores para as mãos dos comerciantes locais, efeito já identificado pelo mercado local. O resultado é uma quebradeira generalizada.  

O descontrole na folha de pagamento também acarreta em outro estado que pode gerar calamidade pública, já que sobram apenas 10% da Receita para realizar serviços públicos básicos, como educação, saneamento, saúde e segurança, sem considerar a manutenção de estradas e vias urbanas, a preservação do patrimônio público, etc. Com recursos limitados por ausência de crescimento e desenvolvimento da cidade, Montes Altos agora sofre pela incompetência administrativa.

Segundo a assessoria da prefeitura, o atraso dos servidores seriam de apenas 30 dias (1 mês) mas sem previsão de atualização, no entanto, ouvimos relatos de servidores do município que  serviram como base para a confirmação da denuncia e confirmam a versão noticiada.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:17


Em audiência pública com representantes do Ministério dos transportes no Gabinte  de Imperatriz Roberto Rocha defendeu a necessidade de se fazer os projetos pensando no futuro.

O auditório  Governador Luíz Rocha  sediou no último final de semana importante audiência presidida pelo senador Roberto Rocha (PSB) para discutir  os  atuais e futuros projetos para a infraestrura do Maranhão.  Prefeitos, vereadores , secretários municipais da  Região Tocantina e do  Maranhão Central por mais de  duas horas debateram  com o senador e os representantes do Ministério dos Transportes e do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT),  a situação,  e as necessidades,  e futuros projetos rodoviários previstos para o Maranhão.

O secretário nacional de TransportesLuciano Castro disse ter recebido do ministro Maurício Quintela a determinação de manter um olhar diferenciado para  as estradas do Maranhão e fazer o que for possível para melhorar a qualidade de vida da população.

Na audiência o senador Roberto Rocha defendeu a necessidade de se fazer os projetos pensando no futuro. “ Não importa se vai sair daqui a cinco, dez ou vinte anos o importante é que se faça esses projetos e se lute por eles”  disse o parlamentar  muito elogiado pelo secretário nacional de transportes Luciano de Castro que por essa preocupação foi chamado por ele de “ o senador da infraestrutura”



A possível inclusão no Programa de Aceleração do Crescimento, da duplicação da da BR-010, no trecho de entre Imperatriz e Açailândia, a  necessidade de se federalizar algumas rodovias maranhenses também foram inseridas  na pauta da audiência pelo,  senador Roberto Rocha que acredita que a federalização possibilitaria trazer investimentos do governo federal, uma vez que hoje os trechos controlados pelo governo estadual se encontram em péssimo estado de conservação, prejudicando bastante, segundo o senador, o desenvolvimento do agronegócio e do escoamento adequado da produção, especialmente, na região denominada Complexo Anel da soja, em Balsas e do Matopiba. 

Assim como a cidade de Imperatriz,  que na sexta-feira, 25,  teve retomada as obras da travessia urbana de Imperatriz, diversos municipíos do Maranhão , sobretudo aqueles cortados pelas rodoviais federais, cobram  e lutam por obras semelhantes.  Na audiência promovida pelo senador Roberto Rocha no seu gabinete de Imperatriz, lideranças politicas de Grajaú,  e Presidente  Dutra defenderam essa bandeira.  Grajaú  não só defendeu, mas entregou ao pessoal do Ministério dos Transportes um projeto base de duplicação  da travessia urbana da 226, naquele município.  O documento foi entregue pelo ex-prefeito Júnior Otsuka.

Travessia de Imperatriz- Horas antes da audiência no  Auditório Governador Luíz Rocha, o secretário nacional de Transportes  Luciano de Castro, o diretor geral do DNIT Valter Casimiro, e o diretor do DNIT  no Maranhão, Gerardo  Freitas participaram com os senadores Roberto Rocha e Edison Lobão, do  deputado federal Deoclides Macedo, do assessor da  Presidência da República Chiquinho Escórcio, do ex-prefeito Sebastião Madeira e o prefeito Assis Ramos da assinatura da ordem de serviço da retomada da travessia urbana de Imperatriz.

“ O DNIT junto a toda bancada federal do Maranhão está marcando um golaço hoje. Espero em breve retornar para entregar a primeira parte dessa obra, que é de quatro quilômetros”  declarou o  diretor geral do DNIT Valter Casemiro Silveira logo após a solenidade.

Muita gente falou que essa é  uma obra importante para região, mas eu discordo. É uma obra importante para o Brasil.  Aqui, é a ligação do Norte , com o Sul do Brasil. A única que tem”  comentou o ex-prefeito Madeira.

 “ Imperatriz é  uma cidade que tem cheiro de progresso e desenvolvimento.  E aqui eu venho também  para uma conversa longa com o senador Roberto Rocha, um homem preocupado  com a infraestrutura do Maranhão e que  defende com veemencia a  execução dessa obra que começou  lá atrás com o projeto  técnico do Sebastião Madeira e  se concretiza   agora com a ordem de serviço para que ela efetivamente aconteça.  Não tenho a menor dúvida que Imperatriz será uma outra cidade depois dessa obra concluída”  destacou o Secretário Nacional do Ministério dos Transportes, Luciano Castro.

Para o senador Roberto Rocha Imperatriz mostra prestígio em Brasília  na medida em que uma obra dessa importância une todos. “ Uma obra que une o Maranhão”  completou o parlamentar.  

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:41



Folha de São Paulo

O governador foi acusado de ter recebido recursos de caixa dois e propina. Ele sempre apontou inconsistências e erros nos relatos dos delatores da empreiteira.

A Procuradoria-Geral da República (PGR) pediu ao STJ o arquivamento de apurações sobre a citação do governador do Maranhão, Flávio Dino, na delação da Odebrecht. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (30) pela coluna “Painel” do jornal Folha de São Paulo.

O governador foi acusado de ter recebido recursos de caixa dois e propina. Ele sempre apontou inconsistências e erros nos relatos dos delatores da empreiteira.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:35


A escola de taipa ou de palha foi desativada pelo prefeito Ajuricaba (PDT), após a denuncia tomar proporção e desagravo social com relação a forma que a educação e os alunos do município estariam sendo tratados pelo prefeito que prometeu fazer diferente, antes de ser eleito. 

A visão no minimo é "estarrecedora", foi o adjetivo encontrado pelo jornalista Willian Ferraz, escreveu em seu blog ao reproduzir a imagem. "Em pleno século 21...", ele diz, "ainda nos deparamos com situações dessa natureza" revelou indignado com a denuncia do parlamentar montealtense. Palha, lona e chão batido. É assim a situação da escola do assentamento Canaveral, na zona rural de Montes Altos [64 km de Imperatriz], no sudoeste do Maranhão. A triste realidade é um reflexo do caos da educação no município, onde estudantes sonham por uma “escola digna”. 

 O vereador Ermilton Sá chegou a utilizar a tribuna “Moisés Bandeira” para denunciar o descaso da gestão municipal com o setor da Educação, principalmente em escolas situadas na zona rural de Montes Altos. Ele classificou de vergonhoso a “escola de palha” do Canaveral. 

O assessor de Comunicação da Prefeitura, Carlos Lucena, informou que a secretária de Educação Jeanne Barros prestou esclarecimentos sobre o motivo do funcionamento da escola em um barracão. “Mesmo explicando, outras providências foram tomadas, e a escola não funciona mais nesse local”, garantiu ele. Por telefone, a vereadora Kelli Cristina informou neste sábado (26) que, após denúncia, a escola foi desativada pela Secretaria Municipal de Educação

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:17


Prefeito Jairo Madeira, secretaria de ação social e promotoria participaram da solenidade de lançamento do programa.

Foi realizado nesta segunda-feira (28), a solenidade de Lançamento do programa ‘Criança Feliz’ na cidade de joão Lisboa. O programa do MDS - Governo Federal será executado pela prefeitura Municipal de João Lisboa através da Secretaria de Assistência Sociais.

A solenidade ocorreu no auditório da câmara de vereadores com a presença de populares e autoridades, como o prefeito Jairo Madeira, a Promotora de Justiça, Maria José Lopes Correa, os vereadores Nego da Edna, Evaldo Seledor, Marcones Silva, as vereadoras Eva Magna, Roselia Menezes e Val Mota, e os secretarios municipais, Cleonaldo Diniz (saúde), Vilson Soares (finanças), Davison Sormanni (educação), Maria Rodrigues (agricultura), Junior Brito (adjunto agricultura), e Paulo de Tarso.

A secretária de Assistência Social, Edna Maria, ressaltou que além de proporcionar o bem estar dos usuários dos SUAS a adesão do município ao programa ‘Criança Feliz’ vai gerar mais qualidade e atenção da assistência social às famílias envolvidas no programa.
A vereadora Val Mota destaca que esta é mais um grande beneficio para a comunidade Joãolisboense. "São programas assim que vem de encontro com a realidade dos mais necessitados. Parabenizo a todos que faram este programa chega a nossa comunidade que tanta necessita de politicas sociais", concluiu a parlamentar.

A Promotora de Justiça de João Lisboa, responsável pela Vara da Infância e da juventude, Dra. Maria José Lopes Correa, destacou a grande satisfação em participar do lançamento deste programa.  “O ministério publico tem um imenso  prazer de testemunhar que o programa esta cumprindo seu objetivo de levar a educação de base ao pai a mãe, com esse acompanhamento presencial possa ocorrer um ganho a todos que estão inseridos nesse programa”.

O prefeito Jairo Madeira, parabenizou a secretaria Edna Maria e a supervisora do programa Sra. Lorrane Coimbra, pelo empenho neste programa. “Acompanhei de perto a adesão deste programa e apesar dos recursos serem pequenos, a prefeitura fará o possível para que o funcionamento deste programa ocorra de forma positiva”. Jairo Madeira ainda prestou conta com relação às dificuldades enfrentadas pelo município, “A prefeitura tem feito seu esforço e vamos nos reunir, rediscutir algumas situações para encontrar a solução e continuar realizando uma gestão com qualidade e sempre beneficiando a população joãolisboense”, concluiu.
  
O Programa
O município fez adesão ao programa Criança Feliz, do governo federal, com o objetivo de fortalecer as políticas públicas para a primeira infância e promover o desenvolvimento infantil. Serão priorizadas gestantes e crianças de até três anos de idade beneficiárias do Programa Bolsa Família, crianças de até seis anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada e as afastadas do convívio familiar por medida protetiva (crianças abrigadas). 

As famílias serão acompanhadas por profissionais capacitados, que farão visitas domiciliar periódicas. Além disso, o Programa Criança Feliz integrará ações coordenadas em várias áreas, como saúde, assistência social, educação, justiça e cultura.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:02



Em audiência pública realizada nesta terça-feira (29), a Câmara Municipal de Imperatriz debateu os problemas de infraestrutura no Residencial Sebastião Régis, do programa federal Minha Casa, Minha Vida. A sessão foi coordenada pela Comissão de Obras e Serviços Públicos e presidida pelo vereador Hamilton Miranda, presidente da comissão. Participaram do debate, representantes dos moradores, da Prefeitura, da Caixa Econômica Federal, do Ministério Público, da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) e da construtora Canopus, executora da obra.

Desde o começo deste ano, vereadores têm recebidos várias denúncias de irregularidades, que desde reclamações dos sistemas de água e esgoto, passando pela péssima qualidade da camada asfáltica até casos de pessoas contempladas que estariam fora da faixa de renda familiar (de zero a três salários mínimos) e de outras que nunca tomaram posse dos seus respectivos imóveis.

O presidente da associação de moradores do bairro, Wanderley Rodrigues, lembrou que o residencial apresenta problemas na estrutura das casas, na rede de abastecimento de água e de esgoto doméstico e na pavimentação asfáltica desde que foi entregue, no dia 20 de dezembro do ano passado. Esclareceu que tanto a Canopus como a Caema sempre atenderam as demandas dos moradores, porém reclamou que ainda há problemas graves na drenagem e em pontos de vazamentos da rede de distribuição de água.

O diretor técnico da Canopus, Breno Santiago, reconheceu que houve problemas durante o inverno passado. Atribuiu os danos causados na camada asfática de várias e na estrutura de casas devido o rompimento de um açude localizado em fazenda vizinha ao residencial. Adiantou que a construtora reconstruiu a parede do açude e vai recuperar o riacho que passa próximo ao conjunto - que está em processo de assoreamento, com acúmulo de lixo e outros materiais orgânicos – e a construção de uma galeria para escoamento das águas das chuvas.

Ele afirmou que a construtora enfrenta este problema pela primeira vez em seus quarenta anos de atuação e de trinta em empreendimentos financiados pela Caixa Econômica Federal.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:33

Disputa no ninho...

por Holden, em 29.08.17


A possibilidade de candidatura para Deputado Estadual do ex-vereador Esmeradhson de Pinho pelo PSDB deixou o vereador Zeziel Ribeiro (também do PSDB) atômico. O parlamentar teria dito que postulantes ao cargo deveriam aguardar a vez na fila. O comentário serviu para acirrar a disputa dentro do partido. Uma candidatura para o parlamento estadual acirra-se no ninho imperatrizense por conta da possibilidade de dobradinha com o ex-prefeito Sebastião Madeira, visto com eleição eminente. 

Esmeradhson garante que é candidato.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:55

Pesquisa fake?

por Holden, em 28.08.17
Uma pesquisa da ESCUTEC que avalia um provavel cenário para as eleições de governador do ano que vem foi espalhada nas redes sociais. Se prevalecer a realidade, sabe-se, porém, quem teria interesse em tornar pública a consulta, no entanto, não se sabe porquê os interessados guardaram tanto tempo e não optaram por causar um reboliço no meio político com o resultado. 

Se for verdadeiros os números da 'tal pesquisa', muita coisa vai mudar, e principalmente, quem não tem valor agora passa a ter. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:49


A juíza Manuella Faria Ribeiro, titular da 2ª Vara de João Lisboa, respondendo pelo Juizado Cível, condenou as empresas Mateus Supermercados e Lenovo Technologia a restituir R$ 1.799,00 pago por consumidor na compra de um computador defeituoso e ao pagamento de indenização por danos morais no valor de R$ 3 mil reais.

Consta na sentença que o consumidor I.A.C comprou, em 31/05/2016, no Mateus Supermercados, um notebook fabricado pela empresa Lenovo Technologia, no valor de R$ 1.799,00. O produto apresentou defeito no dia seguinte a compra, e, seis dias após ter feito a compra, o consumidor procurou a loja para trocar o aparelho, sendo orientado a procurar a assistência do fabricante do produto.

O consumidor informou que não existe assistência técnica autorizada da fabricante na região que mora, e que o posto autorizado mais próximo está a mais de 600 km de distância da residência dele. E tentou novamente negociar o conserto com o supermercado, que, mais uma vez, se recusou a receber o produto e encaminhar para assistência técnica da fabricante, e, também, não solucionou a situação.

Não houve êxito na audiência de conciliação entre as partes. Por isso, o consumidor pediu o ressarcimento do valor pago pelo produto e a condenação dos reclamados ao pagamento de reparação por danos morais. Juntou aos autos nota fiscal do produto e cópia de tela comprovando o vício do produto.

O Mateus Supermercados alegou não poder suportar a responsabilidade pelo defeito do produto. A Lenovo, a incompetência do Juizado Especial Cível, em razão da complexidade da causa, e falta de interesse de agir para o pleito e pediu a não aplicação da inversão do ônus da prova no presente caso e refuta a condenação a título de danos morais.

A juíza aplicou o Código de Defesa do Consumidor (Lei 8.078/90), que assegura, conforme o artigo 6º, inciso VI, a efetiva prevenção e reparação de danos patrimoniais e morais, individuais, coletivos e difusos sofridos pelos consumidores.

Prevaleceu, ainda, o entendimento na jurisprudência que, inexistindo assistência técnica especializada e disponível no mesmo município, impõe-se ao comerciante a obrigação de intermediar o relacionamento entre seu cliente e o serviço disponibilizado.

TJ-MA

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:33



O prefeito da cidade deEstreito, Cicero Neco - acompanhado da primeira dama do município, Deborah Morais e o prefeito de Porto Franco, Nelson Horácio, foram recebidos namanhã desta sexta-feira (25) pelo Ministro do Meio Ambiente Sarney Filho. Oencontro ocorreu na Associação Comercial da cidade de Imperatriz e serviu paraos dois gestores apresentar demandas dos municípios que estão encaminhadas noministério.

Cicinho defende projetos queestão encaminhados no ministério do Meio Ambiente e podem interferirdiretamente no desenvolvimento econômico da região. Para ele, é fundamental aliberação da criação de peixes em tanque e rede no lago represado pela UsinaHidrelétrica de Estreito. Além disso ainda foram apresentadas ao MinistroSarney Filho apoio na recuperação e preservação de nascentes que compõe a bacianas duas cidades.


Os dois prefeitos serãorecebidos novamente em audiência no Ministério do Meio Ambiente em Brasília. Sarney Filho prometeu dar encaminhamento nos problemas apresentados pelos dois prefeitos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:10

Quem acompanha as postagens nas redes sociais ou conhece o prefeito Raimundinho e o vice-prefeito Raimundinho do Dão, sabe que a dupla não perde um velório e nem uma chance de tornar o momento triste em "ato político". 

O viral que se tornou a foto do vice-prefeito agarrado no cachão da sobrinha 'natimorta' pode até parecer uma agressividade, mas vai servir para que as aberrações postadas nas redes sociais pela dupla de gestores do interior sejam mais moderadas daqui por diante.

Apesar do sentimento doloroso que cerca a cena, a cara de alegria do vice-prefeito, na foto, forçou o repúdio social, irrecuperável desta vez. 


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:01

O Prefeito de João Lisboa, Jairo Madeira, emitiu nota de pesar pela morte do servidor Edinaldo Carvalho da Silva, irmão do secretário de administração, Evilásio Seledor e do vereador Evaldo Seledor. A morte precoce do servidor municipal deixou amigos e familiares abalados com a noticia. O corpo será velado na cidade de João Lisboa.

veja a nota da prefeitura municipal: 

Nota de pesar da Prefeitura de João Lisboa

As pessoas são insubstituíveis em sua existência, e quando são especiais, além da falta que fazem àqueles que as amam, deixam o mundo mais pobre sem o seu sorriso, o mundo perde um pouco do seu brilho, alegria e cor. 

A morte é um mistério, e como tal devemos respeitá-la, lamentar a morte de alguém e nos curvarmos diante desse mistério e entendermos que somos donos de nossas vidas, mas sob a morte não temos controle, na madrugada desta sexta-feira, (25), o amigo Edinaldo Carvalho da Silva, irmão do nosso Secretário de Administração e Modernização Evilásio Seledor e do Vereador Evaldo Seledor deixou a todos com o coração triste. 

Não tenho palavra para expressar a tristeza que invade a alma de todos que o conheciam. Pedimos apenas a Deus que conforte os familiares e amigos neste momento de dor. 

Que a luz e o amor divino pairem sobre a alma de quem sofre esta imensurável perda, e os console e lhes dê serenidade para atravessar este de profunda tristeza e dor. Estendo meus sentimentos de dor e pesar aos familiares e amigos de Edinaldo Carvalho da Silva e desejo força para superar este momento tão difícil que passam. João Lisboa – MA, 25/08/2017. Jairo Madeira de Coimbra Prefeito de João Lisboa

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:40

“O prefeito não pode se esconder dos problemas de São Luís”, diz Braide sobre agentes de endemias




O deputado Eduardo Braide usou a tribuna nesta quinta-feira (24), para solicitar que a Prefeitura de São Luís resolva a situação dos agentes de endemias da capital, que estão há um mês em greve.

“Hoje completa um mês que o município de São Luís está sem os serviços dos agentes de combate as endemias. Há 30 dias que a cidade não conta com o trabalho dos carros de fumacê, com as visitas domiciliares, deixando assim de realizar um trabalho importante de prevenção a doenças como Dengue, o Zika Vírus e a Chikungunya. E sabem o motivo? A Prefeitura não consegue fornecer os materiais básicos de trabalho. O próprio sindicato dos agentes nos informou que não tem nada; não tem equipamentos básicos de segurança como máscaras, óculos, luvas; e até as bolsas dos agentes – também sem fardamento - estão rasgadas”, informou o deputado.

Ainda em seu discurso, Eduardo Braide destacou outras situações graves enfrentadas pelos agentes de combate a endemias de São Luís. “Não bastasse toda falta de materiais básicos, os agentes estão há quatro meses sem receber o vale-transporte. Como é que se quer exigir que os agentes de endemias possam trabalhar, se a Prefeitura não fornece a eles o vale-transporte para o deslocamento? Que o prefeito de São Luís possa sentar, discutir e conversar com os agentes. Ele não pode se esconder dos problemas da cidade. Se estiver passando por alguma dificuldade, que ele fale claramente. O que não pode é uma categoria tão importante ficar sem os instrumentos necessários para cuidar da saúde da população”, assinalou.

O deputado Eduardo Braide solidarizou-se aos agentes de combate as endemias e solicitou que o Governo do Estado ajude a Prefeitura de São Luís na resolução do problema da categoria. “Quero me solidarizar aos mais de 600 agentes de combate a endemias, na pessoa do Bernardo Medeiros, presidente do Sindicato dos Trabalhadores de Controle de Endemias do Estado do Maranhão (Sintracema). E aproveito para fazer um apelo ao Governo do Estado. Que a parceria com a Prefeitura de São Luís não fique somente na propaganda. Tenho certeza de que o governador pode autorizar a liberação de recursos para que seja resolvido, no mínimo, o pagamento dos quatro meses de vale-transporte que estão em atraso e a compra dos equipamentos de proteção individual para que os agentes de endemias possam ir às ruas trabalhar em segurança”, finalizou o parlamentar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:15

Pág. 1/6





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D