31 outubro 2012

Governo de Roseana se mexe, mas continua envelhecido.


O secretário de articulação política do governo Roseana, Hildo Rocha, será remanejado para a secretária das cidades, outras duas movimentações devem ocorrer por conta da mudança, o que não renova o governo.

Seria como trocar seis por meia dúzia.

Hildo Rocha - Seis por meia dúzia.
As trocas de cargos no governo de Roseana, – envelhecido por sinal - vem logo após a vitória de Holanda Jr. na capital maranhense, berço da oposição, mas ao mesmo tempo, o maior e mais cobiçado colégio eleitoral do Estado.

Junto com o pacote de alterações, o governo impõe mais um empréstimo ao Estado, que foi aprovado agora a pouco na Assembléia legislativa, apesar do boicote da oposição, os governistas ganharam com a maioria. Apenas 8 votos contra, e o Estado, de presente, ganha mais uma divida contraída pelo atual governo.

São 3,8 bilhões. É o segundo empréstimo feito por Roseana junto ao BNDES.

Em Imperatriz, Max Barros resolveu dar o ar da graç,a e remediou mais uma vez a deficiente e  interminável obra da duplicação da MA-122 (Av. Babaçulandia), que liga Imperatriz à cidade de João Lisboa.

Obra velha e a velha resposta: Vamos resolver...
Segundo o secretário, a obra estaria sendo recuperada sem ônus do Estado, por conta exclusiva da empresa que havia feito o péssimo trabalho de duplicação. Max Barros ainda comemorou o inicio da recuperação da rotatória, que nem se quer foi inaugurada.
A obra de duplicação da MA foi objeto eleitoral em 2010, quando a governadora concorreu a reeleição -  após o golpe dado no então governo Jackson – Após mais de dois anos do inicio dos trabalhos feitos pela construtora, (obra já foi alvo de denuncias do Ministério Publico) a obra nunca foi terminada.

Os serviços recomeçam pela terceira vez após de ser dado como concluída, mas até agora não foi inaugurado, principalmente por conta da péssima qualidade do serviço.

Ficou visível a movimentação do governo, logo após a vitória da oposição em São Luiz, integralmente comandada por Flávio Dino.

A ousadia do comunista em referendar um candidato, ao invés de concorrer a eleição, mostra a decisão irreversível de concorrer a eleição em 2014, e mais, com visão clara do forte sentimento de mudança constatado nas grandes eleições a nível nacional, Dino acerta, apesar do frio na barriga (na oposição e na situação) por conta da insistência. 

Entre o sentimento “do novo” vindo de Flávio Dino e o candidato referendado pelo governo, é praticamente irreversível a forte dor de cabeça  que os governistas irão sentir, pois dificilmente conseguirão transferir alguma mensagem parecida ao espectador, o eleitor.

Assim, o governo cansado, entra na fase da mudança; Do seis para meia dúzia, ou do velho para o menos idoso...

Morte do professor Antônio expõe a fragilidade do policiamento preventivo no Maranhão.


Crime ocorrido com professor Antônio Rodrigues, de 51 anos, no centro da cidade, demonstra a falta de ação preventiva da policia militar.

Apesar de ser quase que constante a aparição de veículos da policia Militar nas ruas da cidade, pouco se vê, ainda, a abordagem desses policiais a atitudes suspeitas.
Assaltos e práticas como a saidinha, realizada por assaltantes, com abordagem a clientes bancários que deixam a agencia são comuns, e na sua maioria não são registrados na delegacia de policia.

Na ultima semana um empresário foi abordado por assaltantes na frente da caixa econômica Federal, onde foi obrigado a entregar toda a quantia sacada. O empresário, que preferiu não se identificar, não foi até a delegacia por acreditar que pouco resolveria e ainda, por ser empresário, aumentaria sua exposição ao criminoso.

O crime ocorrido ontem a noite contra a vida do professor de Inglês, revolta toda a sociedade imperatrizense, pois expõe a fraqueza do sistema de segurança e amedronta toda a população que teme a incidência, ou a alta exposição ao circular nas ruas à noite.

Ver a viatura nas ruas da cidade não é exatamente coibir os crimes, esse é o problema. É comum vermos na troca de comando do PM, a resposta quase que diária a sociedade, onde viaturas e policiais podem ser vistos a todo o momento fazendo abordagem e reprimindo a violência.

A morte do professor Antônio Rodrigues da Silva, nada mais é que a exposição da fragilidade do sistema de segurança, que deve dar sua resposta quanto antes a sociedade, pois é inadmissível que um crime desse tipo ocorra; pois a motivação do crime não aparenta ser é um acerto de contas e nem de crime de pistolagem - casos onde a motivação pelo crime o torna quase inevitável -  mas mostra claramente a fragilidade do sistema da policia ostensiva e preventiva.


Roseana quer endividar o Estado em mais 3,8 bilhões em empréstimos.


Governo já se movimenta visando as eleições de 2014

Tão logo concluída a totalização dos votos em São Luís, com a vitória de Edvaldo Holanda Junior (PTC), aliado do presidente da Embratur,  Flávio Dino (PCdoB), maior adversário da Oligarquia Sarney, a governadora Roseana (PMDB) já partiu para o ataque.

A toque de caixa, a Assembleia Legislativa, como sempre faz, a bancada governista se movimenta para aprovar outro bilionário empréstimo junto ao BNDES.

Trata-se da vultosa soma de R$ 3,8 bilhões de reais, que deve votado e aprovado nesta quarta (31) ou quinta-feira (01), com ampla maioria, com exceção dos poucos e heróicos votos dos deputados de oposição.

Formalmente, de acordo com a mensagem da governadora encaminhada à Assembleia, os recursos serão usados no “combate à pobreza”, mas a intenção é turbinar a candidatura do candidato da situação com vistas às eleições de 2014, e a candidatura da própria Roseana Sarney ao Senado.

Desde que assumiu o mandato no tapetão, em 2009, Roseana Sarney já endividou o Estado do Maranhão em mais de 5 bilhões de reais, fora os 3,8 bilhões de agora.
A Oligarquia Sarney acostumou-se a fazer campanha eleitoral apenas com dinheiro público, e esse empréstimo é apenas mais um dos muitos.

Mesmo respondendo a processo que pode levar à perda do mandato por abuso de poder econômico no TSE, Roseana Sarney jamais se intimidou em usar o dinheiro público com fins eleitorais.

Somente este ano, o governo liberou algo em torno de R$ 300 milhões de reais a aliados políticos às vésperas das eleições para turbinar-lhes as candidaturas. Em 2010, liberou cerca de 1 bilhão de reais com o mesmo fim e garantiu sua rereeleição.

O monstruoso endividamento do Estado, levado a cabo por Roseana, em sucessivos e bilionários empréstimos,  tem um duplo alvo: um, no processo a que responde no TSE, por abuso de poder econômico. Se for cassada, os rombos nas contas públicas, com os empréstimos bilionários, tem o objetivo de tornar o Estado ingovernável; se conseguir sobreviver à cassação do mandato no TSE, os recursos servirão para turbinar sua candidatura ao Senado e do seu candidato ao governo, com a velha prática de convênios eleitoreiros criminosos.

O pior de tudo é ver o Ministério Público do Maranhão a tudo assiste e não se incomodar nem um pouco com isso. Sempre foi assim.

A única coisa certa com os empréstimos contraídos por Roseana Sarney, é que o Maranhão continuará empobrecendo cada vez mais, ostentando os piores índices de desenvolvimento humano do país.

Se Flávio Dino se articula politicamente para a disputa de 2014, aglutinando partidos e aliados em torno de um programa, de um projeto, a Oligarquia se vale dos cofres públicos, sua velha e sempre atual prática, para tentar mais uma vez subverter a vontade popular pelo abuso de poder.

Portanto, 2014 já começou.

Por Jorge Vieira

IMPERATRIZ: Projeto "Escola no Cinema" será lançado na próxima terça-feira


O projeto "ESCOLA NO CINEMA" foi idealizado pela Prefeitura de Imperatriz, por intermédio da Secretaria de Educação.

O objetivo é levar os alunos da rede municipal ao cinema, sempre que houver lançamentos nacionais. O projeto é feito também com a parceria com o Grupo Imperacine, no Shopping tocantins.  

A estreia do Escola no Cinema será nesta terça-feira, 6, ás 10 horas da manhã no Imperacine, no Shopping Tocantins , com o filme Gonzaga, de pai para filho, do diretor Breno Silveira, o mesmo de “Os dois Filhos de Francisco”.

30 outubro 2012

VAMPIRAGEM DA SAÚDE: Onde foi parar os 19 milhões do Hospital Macieira?

Santiago Sirilo/Sec.saúde S. Luiz
Ocorreu ontem mais uma rodada de reunião da Comissão Intergestores Bipartite do Maranhão (CIB-MA) com a presença de várias autoridades da área da saúde no Maranhão.


O médico e secretário de saúde de São Luís Santiago Cirilo Nogueira Servin, saiu do anonimato com uma gravíssima denúncia que envolve 19 milhões que desapareceram num passe da magia, exatamente no período eleitoral das eleições de 2012.
O médico paraguaio Santiago Servin disse, em alto e bom tom, na referida reunião, “que assinou Resolução da CIB/MA junto com o Secretário Ricardo Murad, autorizando o município de São Luís a receber o referido recurso de 19 milhões do Ministério da Saúde, recursos públicos federais estes destinados ao hospital Carlos Macieira que havia sofrido incêndio”.
Ricardo Murad/ Sec. de saúde do Estado
O médico denunciou que apenas assinou a Resolução da CIB junto com Ricardo Murad, mas não conhece as circunstâncias, o projeto que possibilitou o Ministério da Saúde enviar 19 milhões para o Maranhão em época de eleição. Disse ainda que tem uma Procuradora da República no seu pé requisitando informações sobre a mais nova cruzeta dos vampiros da saúde maranhense.  
Pelo portunhol do medico, ele tentou passar que apenas foi usado pelo secretário Ricardo Murad para receber os 19 milhões de reais, mas não sabe onde se encontra o dinheiro, para onde ele foi, e nem em qual o projeto.
São apenas 19 milhões, que ninguém sabe onde foi parar.


Tempestiva: Professora teria arremessado a mochila de um aluno para fora da sala de aula


Além da insatisfação pela vitória do atual prefeito Sebastião Madeira, a professora que postou as fotos das goteiras na sala de aula, seria filiada em um partido de esquerda que perdeu a eleição, outro fator preocupante seria os vários casos tempestivo da professora: como ter entrado com mandado de segurança contra a prefeitura por questinar que um deficiente físico teria assumido a sua frente, no seletivo a qual lhe concedeu a vaga e que seria encerrado no final deste ano, e ainda ter jogado uma mochila de um aluno para fora da sala de aula.

Abaixo a nota da assessoria de comunicação da prefeitura de Imperatriz que resume o caso e reafirma que a demissão da professora teria sido motivada pelo acumulo de problemas causados pela mesma, além de ter faltado por vários dias após ser chamado a atenção pela coordenação da escola. Veja mais abaixo:

Não é verdade que ela, a professora, tenha sido demitida pela publicação exclusiva da fotografia nas redes sociais. 

Há muito a relação laboral da professora com a direção da escola já estava deteriorada com o registro de várias ocorrências. Em seis meses de trabalho, de acordo, com o resumo de pontosa professora já acumulava dez faltas.

Funcionários da escola afirmam que por diversas vezes ela teve problemas de relacionamento com a coordenação, colegas de profissão, zelador e até com alunos,como é o caso de uma desavença com um aluno chamado por Adriano que teve a mochila arremessada para fora da sala de aula.

Por diversas vezes, de acordo com diretora Ivone Milhomem, a professora foi advertida quanto a sua conduta e não houve mudança de comportamento motivo pelo qual esta acabou colocada à disposição da Secretaria Municipal de Educação que optou pela rescisão do contrato (temporário) com a servidora que havia sido incluída no sistema municipal por meio de um seletivo.

A direção da escola e a própria Secretaria de Educação considera equivocado o comportamento da professora que no caso em questão, como primeira providência deveria ter retirado os alunos da sala ou suspendido a prova até que o temporal passasse. Ao contrário, preferiu expor os alunos ao ridículo ao instá-los abrir o guarda-chuva para que ela ( professora) pudesse tirar as fotos. 
Ressalte –se que o dito episódio ocorreu num dia de chuva forte e de vento , em que vários imóveis, incluindo o prédio da Escola Guilherme Dourado, foram afetados.

As avarias foram consertadas no dia seguinte.

Considera o episódio um fato isolado e que não reflete a realidade da Rede Municipal de Ensino que no momento desenvolve um amplo programa de reestruturação física da rede de ensino com a a reforma e ampliação de escolas e a construção de novas unidades. Atualmente seis novas escolas estão sendo construídas e várias outras em fase de licitação.

IMPERIAL SHOPPING: Começa montagem da pista de patinação no gelo


Montada na Praça de Eventos, a pista de patinação no gelo será a nova atração do Imperial Shopping

O Imperial Shopping traz uma novidade para todos os imperatrizenses. Além da decoração temática, e da chegada do Papai Noel, o shopping já está montando na praça de eventos uma pista de patinação no gelo. Crianças, jovens e adultos poderão se divertir com patins no gelo, e menores de cinco anos podem brincar em um carrinho de neve conduzido por monitores da pista.
A montagem da estrutura é realizada pela Big Ice, empresa especializada na área, com 13 anos no mercado e mais de 120 pistas montadas nos melhores e maiores shopping do Brasil. A pista de patinação no gelo funcionará durante os meses de novembro e dezembro de 2012 e início de 2013.
A pista é composta de gelo natural e com temperatura de 13 graus negativos. O tamanho é de aproximadamente 198 metros quadrados. A Big Ice irá disponibilizar kits de segurança contendo joelheiras, cotoveleiras, capacetes e luvas. Em toda a extensão da pista haverá barras de segurança acolchoadas para servir de apoio aos patinadores iniciantes.
O Imperial Shopping fornece apoio aos patinadores com ou sem experiência – especialmente crianças – além de monitorá-los constantemente a fim de garantir segurança e tranquilidade.
 “A pista de gelo é apenas uma dessas muitas atrações inéditas que iremos trazer para a Praça de Eventos do Imperial Shopping. O imperatrizense pode esperar um shopping onde ele vai poder comprar e se divertir com segurança e conforto”, afirmou Adrianno Pinheiro, superintendente do Imperial Shopping.
Além de proporcionar diversas opções de compras, entretenimento e prestação de serviços, o Imperial Shopping consolida-se como um dos maiores centros comerciais da região Tocantina. 
Assessoria de Imprensa

Vereadora eleita diz que Zeziel está sendo injustiçado.


Caetana, líder comunitária, professora e vereadora eleita; repudiou hoje pela manhã as acusações feitas contra o secretário de Educação do Município de Imperatriz, e que pedem a sua demissão, segunda ela: “Seria injustiça julgar o secretário, visto que Zeziel tem feito de tudo pela educação de Imperatriz”.

A vereadora refere-se as fotos veiculadas na internet por uma professora, e que tomou proporções nacionais.

Caetana usou seu discurso justamente em mais uma obra, a reinauguração e ampliação da Creche Irmã Dulce, localizada na Vila Multirão e que atende mais de 100 crianças, em um dos bairros mais carentes de Imperatriz.  
Mais um bairro que recebe um provimento do município através da Secretária de Educação  - “ Temos que reconhecer o trabalho e não devemos injustiçar as pessoas antes de verificar a verdade” Completou Caetana.

Ainda este ano será inaugurada a escola que deve ser uma das maiores do município, localizada no Bairro Planalto, que está em fase de conclusão.

DESCASO: Vereador Nego denuncia abandono de ambulância em povoado de João Lisboa


João Lisboa – O vereador Raimundo Soares Neto (PHS), o Nego da Edna, utilizou nesta segunda-feira (29) a tribuna “Matilde Oliveira”, da Câmara Municipal de João Lisboa – 12 km de Imperatriz – para denunciar o descaso da Secretaria Municipal de Saúde (Semus) que abandonou uma ambulância no povoado Vila Tibúrcio, 20 km da sede de João Lisboa.
Segundo ele, o veículo modelo S-10 apresentou problemas mecânico na estrada vicinal de acesso ao povoado Vila Tibúrcio, fato que acabou sendo abandonada pelo motorista, sem providências fossem adotadas pela Prefeitura de João Lisboa. “O veículo, que deveria ser sido recambiado para o pátio de uma oficina, está na estrada vicinal pegando sol e chuva”, denunciou.
Nego da Edna solicitou ao município que retirasse o veículo da estrada vicinal para evitar maiores prejuízos com a ação dos vândalos que poderão levar outras peças do automóvel considerado de suma importância para o transporte de pacientes do interior do município para os hospitais de referência em João Lisboa e Imperatriz.
“Percebi que o eixo do veículo sacou, situação já que poderia ter sido resolvida pela prefeitura, caso houve boa vontade política e não deixasse o patrimônio público abandonado ao tempo na zona rural de João Lisboa”, disse ele, que reivindicou providências à Secretaria Municipal de Saúde (Semus). 
(Da Assessoria)

Denúncia contra escola foi arranjada


Depois de alguns dias sustentando uma versão segundo a qual alunos de uma escola do Município de Imperatriz utilizaram guarda-chuvas para se proteger dentro da sala de aula, chega-se a triste constatação de que tudo não passou de uma denúncia preparada, articulada para tentar atingir a imagem da gestão Madeira, campeã de votos na eleição de 7 de outubro passado.
Ao falar sobre o episódio, a diretora da escola Guilherme Dourado, Ivone Carvalho Milhomem, explicou que, na véspera do ocorrido, Imperatriz havia sido tomada por um vendaval, que causou danificação no detalhado não apenas daquela unidade pública, mas em centenas de casa da cidade.
“A professora, na hora do temporal, ao invés de proteger os alunos e alojá-los numa outra sala ou em outro espaço da escola mandou que eles ficassem debaixo da goteira, abrir sobrinhas, para que ela pudesse tirar fotos e jogar na internet mesmo sabendo que o súbito vazamento era resultado de uma ventania e que as providências foram imediatamente tomadas para sanar o problema”, informou Ivone Carvalho.
 Mais adiante a diretora da Escola pondera, com veemência: “realmente essa não é uma postura ética de um servidor, principalmente de quem se reivindica educadora. Qualquer funcionário, diante de uma situação repentina de calamidade, não se aproveitaria da situação para satisfazer uma vingança pessoal. Tenho relatos de que órgãos importantes de Imperatriz, inclusive do estado, foram atingidos pelo vendaval, mas apenas o caso da Escola Guilherme Dourado ganhou o facebook. Não tenho dúvida que o sentimento que motivou essa senhora não é o sentimento que motiva e que conduz os servidores públicos seja aqui ou em qualquer lugar do mundo,” lamentou, decepcionada.
Uma revelação importante, dada pela direção da escola, que pode justificar a panfletagem virtual, é o fato de a professora já ter sido, por várias vezes, advertida quanto a sua constante ausência no trabalho e a dificuldade de relacionamento com o quadro de servidores do colégio.
Há comentários fortíssimos que a professora contratada tenha agido ainda por motivação político-ideológica, vinculada a uma das candidaturas a prefeito que se notabilizou no programa eleitoral por falar mal de prédios públicos da educação Municipal.
CONSTRANGIMENTO
No afã de macular a gestão municipal a denuncista não se preocupou com a imagem de seus alunos, publicamente expostos em situação no mínimo constrangedora.
“Se a intenção dessa senhora fosse de fato o bem ela podia até ter tirado as fotografias e encaminhado aos órgãos competentes, mas jamais poderia ter tornado-as públicas, atingindo as nossas crianças, seus pais e a comunidade, todos revoltados com o que ela fez”, concluiu a diretora da Escola Guilherme Dourado, que também é advogada. 

Corrigido às 19:00 30/10: *Dourado e não *Cortez, como estava escrito, conforme justificou o leitor. 

29 outubro 2012

O Velho problema...


A prefeitura de Imperatriz, através da secretária de Educação estará inaugurando amanhã (30) A reforma e ampliação da Creche Irmã Dulce, localizada no Parque Amazonas, de quebra, ainda entrega as novas dependências da Escola Municipal Santa Laura no bairro Bacurí, o que não dispensa a responsabilidade sobre o ocorrido com a escola Guilherme Dourado.

A professora errou ao publicar as fotos na internet, antes que fossem registrado a questão aos órgão competentes, para piorar, resolveu enfrentar arbitrariamente a coordenação da escola, mas antes disso, a prefeitura e a secretaria de educação deveriam estar atentos a todas as etapas do ocorrido, que devagarinho, foi tomando as redes sociais e até o Brasil.

A secretária de Educação tem trabalhado dioturnamente, mas deve estar atenta também a dar as resposta a tempo sobre qualquer coisa e não somente as boas, principalmente por ser uma das mais importantes pastas de qualquer prefeitura. O problema maior  ocorrido na escola foi a secretaria ignorar o fato, o problema, e dispensar a resposta a sociedade, visto que o caso logo que constatado foi resolvido, quer dizer, deixaram mais uma vez criar uma tempestade num copo d’água.

O problema da escola não foi o telhado, ou o guarda-chuvas, ou mesmo a professora desnorteada que denunciou às redes sociais antes de resolver o problema na sala da direção; mas ignorar o poder da internet e das redes sociais.

Abra o olho! O povo precisa de resposta e não de explicação. Se a resposta foi dada, por favor, me diga!

Amarante do Maranhão


A Justiça Eleitoral pode convocar uma nova eleição em Amarante, a 680 quilômetros de São Luís. A atual prefeita de Amarante, Adriana Ribeiro, que obteve mais de 50% dos votos está com a candidatura sub-júdice, com a suspeita de crime eleitoral.
Mais de 20 mil eleitores foram às urnas na cidade de Amarante, mas ninguém sabe quem ganhou a eleição para prefeito, já que a candidata Adriana Ribeiro (PV) obteve 9.678 votos, não considerados ainda válidos pela Justiça Eleitoral.

A atual prefeita teve o registro da candidatura negado por ter concedido reajuste salarial aos servidores da educação durante o período de campanha, o que é proibido por lei. Ela recorreu ao TRE, mas o processo ainda não foi julgado.

Já a candidata Joyce Marinho (PSD), que substitui o candidato Marconi Duailibe enquadrado na lei da Ficha Limpa, obteve 8.972 votos, que representam 44,58 % mas como não alcançou metade mais um dos votos válidos não pode ser declarada eleita.

Segundo o Justiça Eleitoral de Amarante do Maranhão, a situação vai permanecer indefinida até o julgamento da situação da candidata Adriana Ribeiro. Caso a candidata Adriana Ribeiro não consiga manter o registro da candidatura no TRE ou no TSE, haverá uma nova eleição em Amarante.

Fonte: Açailandia de fato

Sem limites...


 O processo eleitoral já passou, mas parece que Madeira continua em campanha. 
Neste final de semana (28/10) esteve em um dos bairros mais carentes do centro da cidade, o bairro da caema, onde ouviu e conversou com uma centena de pessoas da comunidade.

No encontro, afirmou que irá empenhar-se para transformar a antiga subestação da caema, que é um prédio público do Estado, em Centro Cultural. 

Madeira foi ao bairro para assistir o documentário “SOS Bairro da Caema”.

Apesar dos benefícios já realizados pela prefeitura no próprio bairro: como a ponte sobre o riacho cacau e recentemente; a reforma da escola São Sebastião(que deverá ser entre nos próximos dias), o prefeito Sebastião Madeira ainda prometeu asfaltar todas as ruas do bairro.

Não restam duvidas da competência e da dedicação do prefeito Sebastião Madeira, sendo o primeiro “prefeito 24 horas” de Imperatriz, mesmo após ganhar as eleições.

Imoral: Emiliano tenta boicotar próximo governo.


Derrotado. Com uma das maiores rejeições da história política da cidade e ainda com ar de grandeza, o maior investidor em campanhas eleitorais da região, o prefeito de João Lisboa Emiliano Menezes, ainda não se conformou com a mudança; A primeira prova de que o autoritarismo -  comum no seu aspecto rancoroso em não aceitar a mudança feita democraticamente  –  consome seu ego, ao ponto de tentar de qualquer forma, conturbar o cenário político do prefeito eleito de João Lisboa.

Jairo Madeira por sua vez, da uma demonstração de grandeza e abre as portas para o mundo, ao concordar com um dos mentores do projeto Ficha limpa, o juiz Marlon Reis, no projeto de  implantar o “Pacto de Transparência”. Segundo o juiz, O acordo deve ser feito entre todos os poderes constituídos em João Lisboa e “visa o cumprimento do artigo 19 da Declaração Universal dos Direitos Humanos, que apresenta o acesso a informação como direito fundamental". (veja mais aqui)

Por outro lado, Emiliano Menezes, que deve terminar seu mandato como um dos piores prefeitos da história de João Lisboa, tenta aprovar leis que torne a gestão do prefeito eleito mais complicada e menos autônoma, e o pior, com a ajuda de alguns vereadores.

É a batalha imoral, de quem não se conforma em saber que a fila anda e que o desejo do povo deve ser respeitado.

Em breve daremos mais informações sobre o boicote que Emiliano tenta construir contra o novo prefeito, que no final, o maior prejudicado pode ser a população joãolisboense.

Flávio Dino, "o dinossauro maranhense".

A eleição em São Luiz foi uma das grande e emblemática da história eleitoral do Maranhão. 
Nas eleições municipais da capital, em outros tempos, Jackson Lago era o único a ser batido, quando do outro lado, desgastado, observava-se atento ao desenrolar eleitoral do grupo Sarney, mas sempre prevalecendo a liderança Jackista dentro da Ilha rebelde.

Na ultima eleição para o governo, parecia que o ar da graça governista tomaria definitivamente o poder. A Ilha rebelde teria ficado mais graciosa e romântica; Daria à governadora Roseana, a vitória eleitoral em 2010.  – Quantas graças...

O retorno simbólico da oposição ao poder na capital possui um valor  mais que romântico, afinal, parecia que seriam outros tempos, mas não, a Ilha continua rebelde: Despachou Washington e dispensou Castelo, mais ainda, construiu em Flávio Dino uma liderança lulista (aquele que elege o poste). Flávio Dino debruçou-se com seu poder político esquerdista e repassou a imagem ao seu candidato Edivaldo Jr.,emplacando, agora de fato, o retorno da esquerda na capital.

O governo não tinha interesse na vitória de Flávio Dino e reconhece a melhora da sua condição eleitoral,  mesmo assim hesitou em interferir.

Dino dá o primeiro passo com destino a 2014, apesar da derrota em Imperatriz, demonstra claramente que é: forte e visionário -  um dinossauro na política maranhense.
Há de se reconhecer...

28 outubro 2012

Os 3 Rocha...


Em frente a derrota, nada mais sublime que própria  vitória. Para o ex-deputado federal Roberto Rocha, que disputou a ultima eleição ao senado, e perdeu, em uma estratégia errada da oposição em 2008, seu retorno é mais que uma demonstração de força politica.

Nesta eleição para prefeito, a família Rocha faz 3 lideres políticos: Retoma o berço do seu pai, o saudoso ex-governador Luiz Rocha, com o irmão mais novo eleito prefeito de Balsas, o Rochinha ou Luiz Rocha Filho; Conquista o cargo de vereador por São Luis, o filho de Roberto Rocha, o Roberto Rocha Filho e o próprio Roberto Rocha ainda, de quebra, se elege vice-prefeito de São Luiz, na chapa composta com Edivaldo Holanda jr, prefeito eleito pelo PTC.

Sem duvidas é um retorno com chave de ouro, que demonstra a grandiosidade política de Roberto Rocha e sua importância para a oposição nas eleições de 2014.

27 outubro 2012

Jairo Madeira pede recursos para João Lisboa


Prefeito eleito de João Lisboa, Jairo Madeira, solicitou junto ao governador em exercício Washington Oliveira, recursos para que seja resolvido o problema das estradas vicinais, a perfuração de poços artesianos nos povoados e a construção do Hospital Municipal.

O prefeito e vice-prefeito eleitos por João Lisboa, Jairo Madeira e Maria do Nilson, foram recebidos pelo governador em exercício Washington Oliveira.
A audiência ocorreu na tarde de ontem (26), no palácio do governo, na capital maranhense, e serviu para estreitar as relações entre a futura gestão municipal com o governo do Estado.

Jairo Madeira do PSDB e Maria do Nilson, que é do Partido dos Trabalhadores (PT), mesmo partido de Washington, também agradeceram o apoio durante o período pré-eleitoral. Na oportunidade, o governador não hesitou em promover a aliança entre os dois partidos que venceram as eleições municipais.

Mas o assunto que tomou conta da audiência com o governador, ficou por conta dos problemas mais urgentes, que devem ser solucionados  a partir do dia 1° de Janeiro, quando se inicia o novo governo. Para Jairo Madeira, é fundamental que o município resolva o problema das estradas vicinais, que servem para o escoamento da produção -  tanto do pequeno como do grande produtor – O prefeito eleito de João Lisboa ainda firmou compromisso com o Estado com relação a perfuração de poços artesianos nos povoados não assistidos com o beneficio e ainda a melhoria da pavimentação asfaltica do município.

Jairo Madeira e o governador em exercicio Washinton Oliveira 
 Washington prometeu iniciar  um estudo para a construção de um Hospital de referencia. Segundo o governador em exercício,  ainda este ano, será iniciado a construção do hospital, que deve atender os pacientes no próprio município, não sendo mais necessário que seja transportado para outras cidades como vem ocorrendo.

Para o governador, é fundamental que os prefeitos eleitos tenham essa preocupação de relacionar-se com o Estado, mesmo antes de assumir o mandato, visto que nos município menores, mesmo que aja força de vontade do poder municipal, é quase impossível que seja feito alguma benfeitoria sem a ajuda dos poderes Estadual e Federal.

Para Jairo Madeira, “É importante começar a pensar nas soluções para resolver os problemas do nosso município. Faremos peregrinação para os ministérios em Brasília ou a São Luiz com os secretários de Estado e governador, para trazer recursos fundamentais para o desenvolvimento de João Lisboa”, completou
A assessoria

26 outubro 2012

VOTE CHAPA 03: "COMPETÊNCIA E TRANSPARÊNCIA"


No próximo dia 27 de Outubro, acontece a eleição para escolha da nova diretoria da "ARCSPMIA" (Associação de Cabos e Soldados da Policia Militar de Imperatriz e Açailândia). Uma das chapas que concorrem ao pleito, é encabeçado por Cabo Júnior, atual presidente da LIF (Liga Imperatrizense de Futebol). Cabo Júnior tem demonstrado ser uma pessoa de muita competência, a prova disso são as repetidas reeleições que ele tem conseguido frente a LIF, em uma destas suas reeleições, tamanho é o seu prestigio, que o seu adversário, teve somente o próprio voto. Cabo Júnior agora parte para mais um desafio, transformar a sede da ARCSPMIA em um moderno clube social, onde os militares possam desfrutar de momentos de lazer juntamente com seus familiares. Crédito e competência, ele já demonstrou que tem de sobra. 

Por Marlon Moura


24 outubro 2012

Imperial Shopping antecipa decoração natalina



Imperial Shopping sai na frente com a decoração natalina. Desde ontem (23) o publico que visitou o “Imperial” foi surpreendido com a decoração antecipada, é o que informa a assessoria imprensa, através da jornalista Gilmara Tavares.

Os enfeites diversificados, as cores vermelho e verde, tão típicas do período, já tomam conta dos corredores e da entrada do maior centro de compras da região Tocantina”. Afirma Gilmara.

No Imperial Shopping a decoração terá como tema o “Natal dos Pinguins”. A Praça de Eventos, no primeiro piso do shopping, vai receber uma ornamentação com motivos natalinos e cascatas de luzes. É também neste espaço que vai ficar a pista de patinação no gelo.
No local, já é possível ver guirlandas, bonecos de neve e pequenas árvores de natal. Uma das surpresas é a chegada do Papai Noel, no dia 11 de novembro. Para isso, o Imperial já prepara um animado evento. O bom velhinhodeve ficar no shopping até o dia 24 de dezembro.

A gerente de marketing, Beatriz Libório, enfatiza que o Imperial além de inovar pretende trazer sempre um diferencial.  “Uma das grandes novidades é a pista de patinação de gelo.Por este motivo parte de nossa decoração de natal será dentro da pista. Acreditamos que essa é uma forma do público interagir com a decoração, fora o grande evento que será a chegada do Papai Noel”, garante.

Além de deixar o shopping mais bonito, a decoração também deve atrair clientes. “Esse clima de natal antecipado favorecea troca de presentes, de amor e paz. Nós, por exemplo, já começamos com a promoção antecipe seu natal”. Completou Zacarias Melo, proprietário da Mahogany,

PSB cresce 141% nas metrópoles e mira 2014


O PSB do governador Eduardo Campos (PE) foi o partido que mais cresceu em número de votos nas nove maiores regiões metropolitanas do país na comparação do primeiro turno deste ano com o de 2008: um avanço de 141%.

Juntas, as regiões de São Paulo, Rio, Belo Horizonte, Porto Alegre, Campinas, Curitiba, Salvador, Recife e Fortaleza têm 210 municípios, concentram quase 30% da população, mais de 40% do PIB e têm 41,9 milhões de eleitores.
PMDB, PT e PSDB, nessa ordem, mantiveram-se no comando do maior número de prefeituras. Na soma dos votos, o PMDB cresceu 13%, e o PT continua como o partido mais votado nessas regiões.

Mas, no geral, PT e PSDB perderam eleitores em relação a 2008: quedas de 15% e 13%, respectivamente. Só na cidade de São Paulo, o PT teve 312 mil votos a menos.
O PT lançou 102 candidatos --o mesmo de 2008. O PSDB lançou 75, ante 91 no pleito anterior. O segundo turno em 15 cidades dessas regiões pode mudar o balanço final.
O PMDB disputa em três cidades, o PT, em dez, e o PSDB, em duas --incluindo São Paulo, o maior colégio eleitoral, onde petistas e tucanos se enfrentam diretamente.
O PSB também foi o partido que mais aumentou o número de candidatos a prefeito nas áreas metropolitanas: de 34, em 2008, para 50.

O melhor desempenho da sigla ocorreu nas regiões de Recife e Fortaleza, em Estados governados por Eduardo Campos (PE) e Cid Gomes (Ceará), ambos do PSB. "Temos um projeto de consolidar presença no Nordeste e abrir caminho no Sudeste e no Sul, onde estão 80% do eleitorado", diz o vice-presidente do PSB, Roberto Amaral: "Hoje temos estatura para 2014".

CAROLINA DE ANDRADE
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA

Engolindo o escroque...


 O que seria melhor para Imperatriz? Eu pergunto. Uma boa quantidade de “esquerdopatas” enfiando palavras de protestos na personalidade manipulada do povo, ou, um bom deputado Federal, mesmo que oligarcas (como diz a oposição...) que trás todos os projetos para a cidade?

Madeira - Crivela, ministro da pesca - Escórcio
Vamos entrar na questão específica do PSDB, já que é o partido do prefeito de Imperatriz. Com as honras da casa, carregou nos braços o deputado Federal (que mais parece vereador de Açailandia) Hélio Santos (ex-PSDB) e o Deputado Carlos Brandão ( de quebra) no entanto, ninguém sabe onde estão e nem o que estão fazendo pela região.
Agora falando dos outros... Deputados. Davi Jr, apesar de ter trazido recursos para a cidade, tem prometido “mundos e fundos” mas de concreto mesmo nem 10% tem chegado. Há de se reconhecer o esforço, mas o deputado tem ficado mais com a fama de “cruzeta” (dúbio)  mais que de deputado atuante.

Apesar dos discursos Anti-oligarquia , caduco por sinal,  Toda a oposição, principalmente as de Imperatriz começam a reconhecer os esforços do Deputado Federal Chiquinho Escorcio, que nem de longe foi um dos mais votados por aqui, mas escolheu a cidade para “tomar de conta”.

Os dois projetos importantes como o da duplicação da BR-010 (que Davi Jr. disse que faria...) e agora a construção do mercado do Peixe (veja aqui), são velhas múmias que a muito era mexida e remexida, mas sem efeitos concretos. É importante frisar a dedicação que o Deputado tem tido e mais; Madeira poderia até dispensar a ajuda, afinal, já foram grandes inimigos, mas para o bem da cidade o prefeito tem deixado de lado o ego e olhado atento para o futuro de Imperatriz, que indiscutivelmente: Deve ter sentido muito por não ter tido o Madeira antes como prefeito...

E o Escórcio, temos que admitir: Pode até não ser bom para muita gente, mas para Imperatriz, ele tem feito por onde.

22 outubro 2012

Parte progressista da Polícia Militar do Maranhão defende a vitória de Edvaldo Holanda em São Luís


A imprensa do poder tem veiculado em blogs, artigos, jornais, TV e tudo o mais a movimentação de setores da Polícia Militar e do Corpo de bombeiros do Maranhão em prol da candidatura de Edvaldo Holanda Júnior a prefeito de São Luís.
O fazem com o maior estardalhaço através de um vídeo que denominam de  "VIDEO BOMBA", no qual aparecem militares fazendo discursos pró Edvaldo Holanda Junior (PTC).
A imprensa marrom noticia ainda supostas ameaças de expulsão dos militares por parte do Secretário de Segurança Pública, Dr. Aluísio Mendes.
Acho o movimento midiático muito curioso. Setores conservadores dessas corporações podem ser usados pelo governo em prol de determinadas candidaturas, agora setores mais ao centro e a esquerda do espectro ideológico não podem, voluntariamente, se manifestar na direção de uma candidatura como cidadãos comuns porque isso é milícia, organização criminosa ou coisa que o valha. Este Maranhão é uma graça.
A acusação me parece hipócrita para os padrões maranhenses. Não há dúvida nenhuma de que a Polícia Militar e os Bombeiros (e a civil também) não podem ser instrumentalizados pelo poder para beneficiar determinadas candidaturas, isso sob a ótica da legalidade, mas ninguém no Maranhão tem dúvida de que isso ocorre com frequência no estado sob a ótica política.
Veja o caso das eleições municipais de Porto Franco e Estreito. A candidata Verbena Macedo (PDT) fez inúmeras denúncias durante a campanha no sentido de que a Polícia Militar daquele município estava a serviço da candidatura do candidato do governo Cicin Neco (PMDB).
Em Porto Franco a situação foi igualmente nefasta. Só para se ter uma idéia chegaram a transferir o Major Luna então comandante da Companhia de Porto Franco. O candidato do governo Nelson Horácio chegou a politizar a questão dizendo que ele e o secretário Hildo Rocha teriam providenciado a transferência do militar para Cantanhede curiosamente a cidade natal do secretário de Articulação Política do governo Roseana Sarney.
Agora quando militares se unem no sentido de apoiar uma candidatura de setores da esquerda aí não pode, é crime militar, é milícia, é ilegal, é inconstitucional é o raio que o parta. Fala sério gente.

Valeria Macedo acertou, ao cobrar da hidrelétrica a contrapartida social, que não chegou no Estreito e nem em Carolina.



Acertou em cheio a deputada Valeria Macedo quando entrevistada pelo O GLOBO, sobre a hidrelétrica de Estreito, questionou que os benefícios da construção da hidrelétrica não teria chegado a contento ás cidades de Estreito e Carolinha.
De fato, muitos milhões entraram para o governo e para o município, mas pouco foi feito em função da população das duas cidades maranhenses mais afetas. Em Carolina, muitas ações estão sendo questionadas na justiça, tanto por indenizações abaixo do previsto, como ações de cunho ambientais.
 Em Estreito, os rumos não são diferentes, mas fica muito difícil cobrar alguma coisa agora. -  está tudo inundado.

Muitos animais foram submergidos pelas águas do Tocantins, mas tudo isso era esperado. Os prejuízos causados para a população de Estreito e Carolina são maiores que os benefícios recebidos, basta ir ate as duas cidades, não é necessário andar muito para ver os estragos sociais e ambientais, e o pior, sem resascimento.  As industrias e as prestadoras de serviços vieram e foram embora, deixando centenas de desempregados nas cidades, que inflaram seus atendimentos sociais: como a saúde  feito pelo município, mas isso tudo era previsto. Desde quando a Deputada questionou a contrapartida da Ceste muitos outros representantes do governo passaram a emitir notas motivacionais, como se a Ceste não tivesse beneficiado apenas aos grandes empreendimentos.

A deputada Valeria Macedo não questionou o investimento, apenas falou que não existiu a contrapartida social e ambiental, e a Ceste; quase negou a morte dos peixes...

21 outubro 2012

Goela abaixo...

Mesmo que Esmeradson de Pinho (PSDB) não concorra a presidência da câmara de vereadores de Imperatriz, é possível que nenhum outro candidato governista assuma e o comando do legislativo caia nas mãos da oposição.

Articulado, o vereador reeleito Rildo Amaral (PDT) já teria manifestado o interesse em concorrer, na ultima eleição, Rildo chegou a colocar seu nome, mas retirou após sentir dificuldades para conseguir votos suficientes, desta, pode ocorrer que, qualquer candidato que decida, realmente, enfrentar a parada, seja eleito.

Muitos vereadores já se mostram contrariados por perceber que a indicação do executivo seria para Hamilton, apesar dos rumores, não existe nenhuma sugestão para tal, mas isso não quer dizer que possa ocorrer. Um dos fatores favoráveis poderá ser até um pedido do Deputado Federal Chiquinho Escórcio, fiel de Hamilton, visto que muitos recursos tem sido conseguido pelo Deputado, que tem intermediado a aproximação do prefeito Madeira (PSDB) com o governo federal.

O PROBLEMA

Mesmo que Madeira peça para Esmeradson retirar sua candidatura, o mesmo não ocorreria com Rildo numa possível candidatura, que sabe da rejeição do presidente perante os outros vereadores, neste caso, o vereador pedetista seria a unica opção; com força de voto e  o poder de barganha.

OUTRA VIA

O vereador Buzuca também manifestou interesse em entrar na disputa, mas como Esmeradson, Buzuca também é tucano, mesmo partido de Madeira (vide paragrafo anterior).

PIOR...

Mesmo que o governo tenha interesse na eleição do atual presidente é importante manter-se atento. Para que não aconteça como na primeira eleição para a assembleia legislativa, quando o governo tentou empurrar o Ricardo Murad goela abaixo, todos os governistas - deputados do próprio governo - se reuniram e unificaram o voto em favor de outro nome.





20 outubro 2012

Inocência ou esquerdismo?

O vereador Aurélio, eleito pelo PT, na cidade de Imperatriz, deu uma declaração meia estonteante, ante, principalmente ao fato do mesmo partir para o ataque - meio que manipulado - em entrevista em uma emissora de TV.

A mensagem, no programa do apresentador Connor Farias, foi atentamente aproveitada pelo apresentador, que tem estimulado os vereadores eleitos a apregoar uma tal oposição, principalmente os eleitos pela primeira vez e que são de partidos de esquerda, como o PT e o PC do B.

Com o intuito concretizado, pela contribuição imaculada dos vereadores; tanto Carlos Hermes do PC do B e o Aurélio do PT, seguiram o ton dado pelo apresentador, demonstrando assim, mais que uma falta de personalidade, mas também inocência da parte dos vereadores, que enfrentaram seu primeiro mandato.

- Quando as eleições passam e os vereadores assumem seu papel de legislador, seus papeis mudam e passam de membros de partidos para representantes do povo, bem diferente do que se tem ouvido do "companheiro Aurélio" que confidenciou a outro companheiro o ton do seu mandato: "Sou vereador do PT e fui eleito pelo PT, portanto, sou oposição ao prefeito". Convicto, mas inocente, o vereador entendeu bem o recado do apresentador, que precisa muito deles para resgatar seu cachê mensal, só não esperava que estaria sendo usado para tal.

Primeiro o vereador eleito, é vereador do povo, para cobrar do executivo as ações para o povo, e não para o PT. Quando subir na tribuna não estará lá para defender o Kit Gay, nem o bolsa presidiário - nobre criações petistas - mas para defender os interesses de Imperatriz, em especial, o do Bairro Vila Nova, que elegeu o vereador Aurélio. 

A Vila Nova já mostrou ao Zé como faz com vereadores que não pensam no bairro, e ao PT que não lhe quer mais na prefeitura de Imperatriz, resta saber se os vereadores de esquerda entenderam que seus votos são por méritos seus e por suas promessas, e não por causa do comunismo ou do petismo.

Entendeu companheiro?!